PERGUNTEM AOS MESTRES

Através das Vozes Celestiais

Mensagem canalizada por Toni e Peter.

Tradução: Regina Drumond

a 7 de agosto de 2018.


 

 

UMA APRESENTAÇÃO PRÉVIA DOS ENSINAMENTOS DOS MESTRES

 
O conceito de manifestação é facilmente mal entendido, como é claramente o caso de um homem brasileiro. Os Mestres corrigem seus equívocos.
 
Outro equívoco é a fantasia romântica que uma britânica criou sobre um colega que ela nem conhece. Está tudo na cabeça dela, dizem os Mestres enquanto eles a aconselham a deixar seus sonhos e encarar a realidade.
 
Um alcoólatra em recuperação nos Estados Unidos busca orientação para seguir em frente em um caminho espiritual. Os Mestres falam sobre ser ele mesmo e escolher entre a energia negativa e o amor incondicional.

Vocês podem ler estas perguntas e respostas na página de Mensagens no site dos Mestres: 

Para traduções do Manual dos Mestres sobre a Reencarnação, cliquem neste link: http://celestialvoicesinc.com/?page_id=24 – ou na guia Livraria, no site dos Mestres.


Amor, Luz e Risos,

 
Toni e Peter.

Celestial Voices, Inc <contact@ mastersofthespiritworld.com>


 



 

 

AS PERGUNTAS


 

DESEJO MANIFESTAR TUDO O QUE EU QUERO

PERGUNTA: Mestres, como posso manifestar um resultado complexo e intrincado em vez de simples? Como no meu caso, eu impacto as pessoas com música e amor pela internet. Eu gostaria de poder impactar mais pessoas na vida real também, mas neste caso eu preciso de muito mais dinheiro do que realmente tenho, mais magnetismo, mais pessoas envolvidas e um projeto promissor em mãos. Na minha vida particular, minha mãe me impede de sair da minha zona de conforto e eu sou muito preguiçoso e impaciente para tentar algo maior. Eu também moro em uma cidade pequena e nem consigo encontrar um pequeno grupo ou um pequeno escritório para começar o meu projeto. Como posso visualizar um resultado tão complicado sem me perder no processo? ~ Jorge, Brasil.
 
RESPOSTA: O primeiro passo para progredir em qualquer fase do desenvolvimento é aprender a ser realista. É ótimo deitar na cama e sonhar em ter tudo exatamente como você deseja - mas isso não acontece sem muito trabalho.
 
Você já admitiu que é preguiçoso, então como você pode até pensar que poderia realizaralgo antes de investir todo o seu tempo e energia para que isso aconteça? Tudo começa e termina com seus esforços.
 
Quando você está se matriculando em um curso sobre um assunto que lhe interessa, isso não o torna automaticamente um especialista na área. Você tem que gastar tempo investigando todo o tópico, aprendendo o que é necessário para o sucesso, e depois continuando a estudar e a trabalhar até que se torne uma segunda natureza para você. Você não fez nada disso.
 
Você está apenas saindo do estágio em que tudo foi feito para você quando criança e você não tinha a responsabilidade de se defender sozinho. A ideia de que sua mãe o está impedindo de sair da sua zona de conforto é ridícula. Claro, ela está fazendo o que ela acha que precisa e o que ela sente que você é capaz de lidar sozinho. Mas, amigo, toda alma tem o livre arbítrio para estar onde ela quer estar e fazer o que ela quer fazer - ela apenas tem que agir.
 
Imaginar sonhos maiores com mais detalhes não é suficiente para que isto apareça. É um trabalho contínuo e fé em si mesmo que irá levá-lo para onde você quer estar. A Manifestação se trata de usar sua intenção e esforço para completar a realização desejada. A manifestação não pula da imagem para o produto acabado, repentinamente. Assim como um edifício tem que ser erguido em etapas, o mesmo acontece com uma vida complexa.
 
 

CRIANDO UMA FANTASIA ROMÂNTICA


 

PERGUNTA: Mestres, ao iniciar um novo trabalho, conheci Chris e senti que o meu chacra cardíaco estava repleto de frescor. Observei interesse, mas não mais. Nossos caminhos se cruzaram ocasionalmente, e eu notei o seu olhar, mas ele estava constantemente evitando em permanecer na mesma sala que eu. Quando os nossos olhos se encontraram, parecia haver uma forte energia se desenvolvendo. Continuei a ver esta pessoa em meus sonhos e eles estão se tornando mais românticos com o passar do tempo. Estive em um relacionamento romântico com outra pessoa e acredito que liberei isto. Sinto que ele é uma das minhas almas gêmeas. Gostaria de saber se isto é uma conexão de vida passada ou se é outra coisa. Irei encontrar meu parceiro de vida nesta vida depois de todas as experiências românticas que tive e do jeito que sou agora? ~ Maija, Reino Unido.

 

RESPOSTA: Você intimidou o pobre homem e ele está com medo da sua intenção e do que você pode exigir dele. Seu interesse inicial era apenas saber quem era o novo funcionário - nada mais. Ele sente sua intensidade e ele não quer nada com isso. É por isso que ele nunca fica na mesma área com você.

 

Enquanto isso, você construiu uma fantasia sobre o seu relacionamento. Vocês não são almas gêmeas e nunca passaram vidas passadas juntos. Às vezes alguém apenas agrada tanto que você cria um mundo que não existe - isso é o que você tem feito.

 

Ele parece seguro e maravilhoso para você porque vocês nunca passaram um tempo juntos, então não consegue ver que ele não é compatível com você. Seus sonhos são como os imaginados em torno de uma pessoa famosa e bonita que você sente que só tem que torná-lo seu. Pare de perder tempo com uma pessoa que não está interessada.

 

Isso é diferente das experiências amorosas anteriores porque tudo foi unilateral. Você é uma escrava das suas expectativas imaginadas de uma parceria. É hora de dar uma boa olhada no modo como você vem se comportando e entender que um relacionamento envolve dois indivíduos que participam ativamente.
 

 

A CAMINHO, MAS SEM SE CONECTAR


 

PERGUNTA: Mestres, desde cedo estive em um “caminho espiritual”, através da Yoga, meditação e olhando para a filosofia destas coisas, metafísica, etc.
No entanto, eu me sinto falso, desconectado, e não sei como seguir em frente de uma forma que pareça autêntica e possa realmente me conectar à Fonte. Estou "me recuperando" do álcool e tenho 10 dias sóbrios, um dos motivos é a sensação de que, de alguma forma, perdi meu eu autêntico. Eu sinto que estou no ego e no julgamento do eu, na maior parte do tempo. Como posso superar isso na minha fase atual, ou compreender e aprender com essa experiência? ~ C., Estados Unidos.

 

RESPOSTA: O que você considera seu eu autêntico? Todos criam a sua própria realidade e isso inclui uma definição de quem eles sentem que são ou quem querem ser. Eles então usam o seu livre arbítrio para trazer todas as peças necessárias à existência.

 

Existe uma pessoa autêntica dentro da sociedade da terceira dimensão, onde o ego governa através do julgamento e da condenação. Então há uma pessoa autêntica, espiritual, se você quiser chamá-la assim, que se afastou da energia negativa e se posicionou firmemente no amor incondicional e avalia, ao invés de julgar, as ações de todos aqueles com quem ela entra em contato.

 

Sua direção é baseada em suas escolhas. Você recai e deixa o mundo ditar para você, ou você examina cada escolha e vai em direção ao amor incondicional da energia da Fonte? Tudo depende de você.

 

A Meditação irá ajudá-lo a ver as possibilidades. Peça ajuda aos seus guias e aos Mestres. Acolha o conhecimento do seu corpo físico, o que você pode aprender através da ioga, para que você perceba a pureza do amor versus o conflito gerado pelo ego.

 

Seja você mesmo; Não deixe que outras pessoas ou substâncias lhe digam o que você precisa ou sente. Você se aventurou no caminho para sua essência e a Fonte - você apenas tem que continuar.
 
 
 
Para perguntas:
 




 
 

 

GUIA DE REENCARNAÇÃO

 
 


D.P.R., do Brasil, pergunta aos Mestres: Eu gostaria de saber sobre a relação da terapia sistêmica com a espiritualidade. O que acontece no nível espiritual quando o campo está aberto?
 
Resposta: Existem muitas práticas denominadas “terapia sistêmica” - desde usos medicinais em tratamentos de câncer, terapia familiar, psicoterapia sistêmica e outros. Uma alma tem um propósito singular em vir para a Terra. Toda vez que outra alma ou qualquer substância química é introduzida no plano de vida, ela não é mais um evento singular e é influenciada por todas as ações dos outros participantes.
 
Elisabeth, do Brasil, pergunta aos Mestres: Eu acreditava que tinha alcançado meus objetivos, mas novamente não consegui. Minhas  direções espirituais indicaram o contrário. Eu me dediquei à vida espiritual e acredito ter obtido bons resultados, mas esperava outro resultado profissional. É hora de parar / mudar? Estou errada?
 
Resposta: É hora de parar de esperar resultados específicos. Isso está dizendo que você quer e aceitará um e apenas um resultado. Essa é a direção mais restritiva que pode ser empreendida. Afaste-se de “esperar” isto ou aquilo e acompanhe o fluxo dos eventos ao seu redor, aproveitando cada oportunidade que se apresenta, independentemente de para onde está indo.
 
Flávia do Brasil, pergunta aos Mestres: Eu tenho repetido padrões de relacionamentos que não me satisfazem. Quanto ao último, tenho um sentimento puro, mas me sinto envolvida em suas crenças religiosas. Eu gostaria de ter uma melhor visão deste caso. Quanto mais preciso aprender para encontrar alguém bom?
 
Resposta: Você está tentando satisfazer seus desejos exigindo que seu parceiro seja exatamente o que você imaginou. Um relacionamento deve ser um evento de partilha, em que cada parte contribui com algumas características e o outro concorda em combiná-las. Você quer tudo do seu jeito. Se um parceiro em perspectiva tiver crenças diferentes, sejam elas religiosas, sociais ou sexuais, a menos que você consiga entender, o relacionamento nunca funcionará - não se preocupe em perder seu tempo com isso.
 
Maressa, do Brasil, pergunta aos Mestres: A dislexia e a falta de memória são parte do meu contrato de alma? Ou são crenças que eu posso derrubar? Parte de nossa jornada é esvaziar-nos de crenças limitantes para que possamos desenvolver nossos dons da alma. Então, por favor, me digam, através da meditação, posso acessar meu subconsciente e modificar minhas crenças de infância? Eu tenho que ter foco e dedicação agora, então, por favor, esclareçam.
 
Resposta: Você está identificando seu corpo humano com as condições diagnósticas que outros colocaram sobre você. Isso se trata de crenças. Você tem que aceitar que você é uma parte da energia da Fonte com todos os poderes e habilidades que isso acarreta. Você está criando a sua realidade ao aceitar o que os outros disseram, em vez de apenas trabalhar com os efeitos externos que a atormentam. Em sua meditação, “veja” o seu mundo como você deseja que seja. Então pergunte ao seu eu superior o que é necessário para trazê-lo à existência. Peça soluções para reprogramar seu corpo físico - você não precisa voltar à infância.
 
Claudia, do Reino Unido, pergunta aos Mestres: Desde a adolescência eu tenho acne e ao longo dos anos a sensibilidade da minha pele aumentou. Além disto, há alguns anos comecei a ter halitose (várias pessoas próximas a mim confirmaram) e, não importa o que eu faça, essa situação persiste. Acredito que essas situações possam estar ligadas ao meu sistema de crenças e / ou ter uma causa emocional. O que preciso aprender / mudar para que a cura possa ocorrer?
 
[Em conformidade com a lei dos EUA, os Mestres Espirituais não diagnosticam nem prescrevem em condições médicas. Suas observações são baseadas no espírito e dizem respeito às lições de vida. Os leitores podem querer rever os detalhes do manual / ebook dos Mestres sobre a cura..]
 
Resposta: Você está lidando com desequilíbrios químicos internos em seu corpo físico. Seu estado mental / emocional a está impedindo de reverter esses resultados porque você estabeleceu uma crença de que “é assim que é”. Você é uma parte da energia da Fonte com todos os poderes e habilidades que a Fonte contém. Você pode fazer qualquer coisa se aceitar, acreditar, conhecer e usar essas habilidades. Primeiro comece com suas lições de vida. O que você duvida ou teme? Entre nessas crenças e libere-as. Substitua-as por um corpo bonito sem luta.
 
Charles dos EUA pergunta aos Mestres: Como faço para ativar o corpo de luz para viajar e a ascensão?
 
Resposta: O corpo de luz, ou Merkaba, tem a forma de três tetraedros. O mais interno é o seu veículo. Gire os dois mais externos, um no sentido horário e o outro no sentido anti-horário. Dirija o “veículo” com a sua intenção. Isso permitirá que você viaje onde quer que um corpo físico possa imaginar. O corpo de luz não ajuda com a ascensão, o que tem a ver com a iluminação espiritual - uma fusão do humano físico com a energia essencial da alma. É um reagrupamento da alma com a energia amorosa incondicional da Fonte.
 
Luana, do Brasil, pergunta aos Mestres: Estou extremamente triste por não ter alcançado meu objetivo. Onde estou falhando? Estou insistindo em algo que não é para mim? O meu coração diz que é minha missão e me sinto triste por não poder fazê-lo. Ajudem-me!
 
Resposta: Você não está falando de um “objetivo”; você está falando de uma expectativa - uma conclusão muito específica da direção que você buscou alcançar. Um objetivo é uma direção geral para um destino não revelado. Isso permitirá que você faça escolhas ao longo do caminho para coisas que você não tinha considerado anteriormente, mas que cumprem o seu desejo com mais facilidade. Se você ficar com um plano inalterável, poderá perder a maior das oportunidades apresentadas ao longo do caminho. Deixe seu coração guiá-la, mas permita uma pausa ao seu ego e seus julgamentos  - apenas siga seus sentimentos.
 
Mateus, do Brasil, pergunta aos Mestres: A maconha pode atrapalhar o meu desenvolvimento espiritual? Sinto que a planta me ajudou a ter muitos insights sobre questões da vida. Sei que a planta perturba quando é muito usada. A orientação dos Mestres é cessar todo o uso?
 
Resposta: Maconha, álcool e outras substâncias  que alteram a mente podem ter efeitos benéficos e destrutivos no desenvolvimento espiritual. Elas empurram as atividades do dia-a-dia para o fundo da mente e deixam o seu pensamento explorar sua conexão com coisas não-físicas. O problema básico é que pode não ser reproduzido sem o uso das substâncias. Use a maconha, se o desejar, em quantidades moderadas para fins recreativos e não como uma ajuda no crescimento espiritual. Você tem o livre arbítrio em tudo o que faz.
 
Helena, de Portugal, pergunta aos Mestres: Vocês me aconselhariam para o bem maior, se eu estivesse no caminho certo, e se conseguisse trazer outros seres para a luz e como poderia fazê-lo melhor?
 
Resposta: Uma alma está sempre exatamente onde ela escolheu estar no momento em que está lá. Seu caminho e sua realidade estão sujeitos às suas escolhas, que são feitas para aprender sobre a vida humana. Para ajudar os outros a entrar na luz, você deve estar totalmente lá. Você deve ter terminado, ou quase terminado, as lições escolhidas para aquela vida. Você deve ter perdido toda a negatividade e o julgamento do ego e existir no amor incondicional. Uma vez lá, mostre aos outros como você realizou tudo isso.
 
Annamari, da Finlândia, pergunta aos Mestres: Eu agora sou apenas uma sombra do que uma vez fui. O que aconteceu? Não consigo mais encontrar minha alegria. A afasia me tomou completamente e não consigo encontrar a saída. O que eu tenho que entender, mudar, aprender? Ainda tenho esperança?
 
Resposta: Sempre há esperança, desde que você acredite que existe. Cada alma cria sua própria realidade pela maneira como constrói seus sistemas de crença. Você está tendo dificuldades agora, mas está aceitando que é assim que deve ser. Se você imprimir isso em suas crenças, não poderá alterá-las. Se você vê isso apenas como um desafio, pode começar a construir alternativas. Sempre coloque amor e felicidade como um segmento de suas crenças. Elimine os resultados negativos e escolha o sucesso positivo.
 
Hanna, da Áustria, pergunta aos Mestres: Por favor, digam-me que meu marido é totalmente honesto para mim. Qual é a lição do nosso relacionamento? Eu devo continuar com ele?
 
Resposta: Seu marido está sendo tão honesto quanto ele pode ser com você. Você gerou dúvidas em sua mente devido à sua paranóia. Sua lição é entender que tudo que um cônjuge faz em um casamento tem um impacto sobre o outro. Nesta vida, você está examinando a diferença entre um relacionamento dependente e um relacionamento de partilha. O que você faz daqui em diante é uma questão de livre arbítrio.
 
Marilyn, dos EUA, pergunta aos Mestres: Vocês podem me responder por que eu estou incomodada com algumas coisas? Sinto-me rejeitada e não boa o suficiente, pois o irmão do meu ex-marido vai se casar. Eu não fui convidada porque eu disse coisas indelicadas sobre o meu ex na frente da família. O que aconteceu com o perdão? Eu pensei que essas pessoas fossem de mente aberta e amorosa. Elas estão protegendo alguém? Eu me sinto como uma criança. Por favor, esclareçam isso para mim.
 
Resposta: Você deixa as coisas a incomodarem quando você aceita que os insultos etc. podem ser verdadeiros. Coloque-se na posição da família - você disse coisas muito desagradáveis ​​sobre o seu ex, o parente próximo deles, e você quer que eles simplesmente ignorem o que você disse e fez e a aceitem como uma pessoa amorosa que os tenha desobedecido. Hora de cair na real! Seu ex-cunhado é o parente de sangue do seu ex e você é a esposa e não-parente, rejeitada. Eles são basicamente de mente aberta e amorosa, mas não conseguem lidar com sua boca vingativa. Eles estão protegendo o evento de qualquer coisa que você possa escolher dizer durante o casamento, se você ver o seu ex.

 

Direitos Autorais:

Toni e Peter.




Compilado por: http://violetflame.biz.ly e dos elos fornecidos.





Agradecimentos a:
 






Por favor, respeitem todos os créditos

Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.

 
 
 


publicado por achama às 02:17