A Chama da Ascensão

pesquisar

 
Quinta-feira, 20 / 12 / 18

ANTIGOS E NOVOS AMIGOS ~ Jennifer Hoffman




ANTIGOS E NOVOS AMIGOS.

Caminhos em parceria ou separação.

Por Jennifer Hoffman.

Tradução: Regina Drumond

a 19 de dezembro de 2018. 

 
 
about Jennifer Hoffman
 
 

 

 

Você está pronto para uma montanha russa de uma semana? Temos tanta coisa acontecendo nesta semana, incluindo o Solstício de Inverno / Verão anual (dependendo de onde você mora), seguido por uma lua cheia no dia seguinte, e durante a semana temos grandes aspectos astrológicos e energéticos que ajudarão em alguns transtornos, redefinições,e reinícios. Isto não é apenas devido aos retrógrados (temos dois em curso), é devido ao "fim do caminho da energia" para grande parte da 3D.
 
Estamos nos preparando para entrar em um novo ano que irá exigir um foco intenso na criatividade e criação, manifestação e em nosso domínio da intuição, intenção e alinhamento. Precisamos estar radiantes com nossa energia, brilharmos intensamente e estarmos muito focados em nosso próprio empoderamento. Esta é a expressão da nossa Consciência Crística, indo além do Curador Martirizado do Cristo Consciente e enquanto nos preparamos para celebrar o Natal na próxima semana, pense no que o "Cristo" significa no Natal.
 
A palavra "Cristo" significa ungido (da tradução grega) e ungir algo significa que foi declarado como sagrado.
 
Será uma semana agitada e estamos resplandecendo intensamente para ajudar a iluminar o caminho com alegria, paz, o amor e a abundância. Mas isto é uma reformulação energética, então alguns dos velhos "amigos" ao longo do caminho podem fazer outras escolhas. Esse é o tema do boletim informativo desta semana.
 
Lembro-me de uma música de roda antiga que costumávamos cantar quando crianças: "Faça novos amigos e mantenha os antigos, um é  prata e o outro é ouro". Se você teve a mudança de amizades em sua vida nos últimos 5 anos ou mais, provavelmente não lhe restaram muitos de seus velhos amigos. E está tudo bem, porque estamos seguindo para um novo período de mistura de energias que nos ajudará a alcançar um novo nível de conscientização e, com isso, haverá uma reorganização de nossos limites e padrões e com eles, de pessoas e situações.
 
Nossos velhos amigos farão parceria conosco no novo caminho ou nos separaremos e novos amigos assumirão o lugar deles.
 
O caminho da ascensão é a "estrada longa e sinuosa" proverbial, mas não conduz realmente a um objetivo, ele continua a circular enquanto exploramos novos aspectos multidimensionais e liberamos versões antigas de nós mesmos. Os fios que nos prendem ou nos ligam aos outros não são inquebráveis, só precisamos saber quando e como rompê-los com graça e dignidade. Esses são os "velhos amigos" que podem se tornar "novos amigos" se decidirem que compartilhar o nosso caminho. de expansão e ascensão é a escolha certa para eles. Eles devem decidir fazer parceria conosco nessa jornada. Se assim não for, então devemos nos separar, pois o nosso tempo juntos nessa frequência e  conexão acabou.
 
É difícil abandonar uma pessoa ou as expectativas que tínhamos dela?
 
Nós lamentamos a separação, ou lamentamos a falta de apreciação e reconhecimento de nossos esforços?
 
Isso não é cruel, é a realidade que devemos enfrentar. Precisamos reconhecer quando alguém "chega ao fim de seu caminho de energia", o que significa que ele atingiu o limite máximo de sua expansão energética e não pode ir mais longe. Assim como nós crescemos até uma certa altura e paramos de crescer, em um nível energético algumas pessoas atingem um nível específico e não podem se expandir mais. Se decidirmos nos expandir mais do que elas podem, é hora de repensar essa conexão.
 
Isso ocorre em muitos níveis diferentes e em muitas áreas de nossas vidas. Eu dei um cristal hoje, um cristal que eu tive por quase 30 anos. Ele viajou comigo ao redor do mundo e tem sido uma presença constante em minha vida desde o dia em que o comprei.
 
Na semana passada eu captei a mensagem que ele me deu e ela foi muito clara: "É hora de eu seguir em frente para um novo proprietário ’. Não parecia o mesmo, não havia conexão, e eu sabia que nosso tempo juntos terminara. E eu sabia para quem precisava ir desde que a última vez em que estive com essa pessoa, os meus guias me disseram que o cristal  precisava ficar com ela. Então eu lhe entreguei quando o meu tempo acabou e agora tem um novo dono que dele precisa e de sua energia para a sua jornada.
 
Somos guardiões dos cristais que se juntam a nós em nosso caminho, bem como de todas as outras energias compartilhadas incorporadas em pessoas, situações, locais e eventos. É hora de nos redefinirmos, para que tenhamos algum espaço para fazer desconexões intencionais de nossas conexões energéticas, especialmente aquelas que são encontradas em grupos cármicos. Aquelas nunca foram destinados a ser obrigações ou compromissos permanentes e "eternos".
 
Em algum momento, precisamos reconhecer quando não estamos mais congruentes ou alinhados em nossa intenção, missão, propósito e nossos caminhos. Às vezes, uma discussão pode resolver isso para que a separação seja evitada e uma nova parceria em um novo nível de frequência energética seja criada. Outras vezes, uma separação dos caminhos é obviamente necessária.
 
Essa desconexão intencional, a partir de uma perspectiva energética, requer que consideremos os dois aspectos muito importantes do nosso caminho de ascensão, conclusão e realização. Nós queremos os dois, mas às vezes apenas um é possível. Por exemplo, queremos que um relacionamento seja completo e satisfatório atendendo às nossas necessidades emocionais, mesmo que isso signifique que a pessoa reconheça a contribuição do tempo, da energia e da emoção ao sair pela porta. A realização e a conclusão são linhas borradas para nós quando queremos ter os dois, mesmo se soubermos que o relacionamento não pode continuar em seu estado atual ou se essa pessoa realmente estiver "no final de seu caminho energético" conosco.
 
Podemos nos sentir satisfeitos sabendo que fizemos tudo o que pudemos e não vamos obter a resposta que queremos ou ter nossas necessidades ou expectativas atendidas ao nível que nos sirva e atenda às nossas necessidades emocionais e egóicas, não importa o quanto tentemos?
 
Podemos ser completos sabendo que fizemos o melhor possível e cumprimos nossas obrigações cármicas e energéticas e que nenhuma recompensa adicional está próxima e nada mudará? Esta é uma lição difícil para nós, reconhecendo que "felizes para sempre" pode significar que estamos felizes quando esta situação acaba, e essa pessoa ou situação não faz mais parte de nossas vidas e nunca fará.
 
Essa é uma questão difícil, porque achamos que todo relacionamento tem uma recompensa "para sempre" abençoada, e essa definição é muito pessoal. Às vezes o fim de um ciclo cármico é a recompensa e esses finais podem parecer muito incompletos e insatisfatórios quando sentimos que fizemos um esforço heróico que foi desperdiçado porque nossas expectativas não foram atendidas e nossos esforços não foram reconhecidos, compreendidos ou apreciados.
 
À medida que reconhecemos que os velhos amigos cumpriram seu propósito, é hora de voltar a se reunir ou se separar? A escolha será óbvia se você encarar a situação sem julgamento. Há um teste para avaliar a escolha. É o teste energético para todas as parcerias.
 
1 - Alinhamento - Estamos alinhados no mesmo caminho, propósito e potencial?
 
2 - Equilíbrio - Há um equilíbrio igual de dar e receber?
 
3 - Congruência - Este relacionamento é congruente, onde tudo se encaixa e flui e a energia é harmoniosa?
 
Todos os três acima são necessários, assim se um estiver faltando,é o momento de ter uma  responsabilidade de repensar e observar as obrigações da jornada de cura de alguém que assumimos e por quê.
 
Então é hora de reunir nossa coragem e fazer a difícil escolha para atender às nossas próprias necessidades, estabelecer limites energéticos fortes que incluam quando e como alcançarmos a plena realização, assegurando que nossas necessidades sejam atendidas, nossas prioridades estejam ​​em vigor. e estejamos gerenciando nossos fluxos de energia. E ter fé e confiança em nós mesmos e em nossa Fonte e fontes para saber que a "longa e sinuosa estrada" da ascensão tem um final feliz, embora não seja dependente de uma pessoa ou situação que nunca termina, é a promessa da presença constante e eterna de nossa própria alegria, paz, amor e abundância.

 

 
 
Jennifer Hoffman
 
 
 
 
 

 
 
 

 
 
 
Por favor, respeitem todos os créditos
 

Recomenda-se o discernimento.
 
 

 


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.
 
 
Atualização diária.
 
 
 
geoglobe1




 



publicado por achama às 04:01
Quinta-feira, 20 / 12 / 18

Arcanjo Gabriel via Shelley Young, 2018/12/18: ALEGRIA E PAIXÃO



  ALEGRIA E PAIXÃO.

Mensagem do Arcanjo Gabriel.

Através de Shelley Young.

18 de dezembro de 2018.

Tradução: DE CORAÇÃO A CORAÇÃO

 
 
 
 




Muitos de vocês perderam o interesse em atividades que costumavam trazer alegria. Alguns de vocês não têm certeza do que lhes traria alegria. Deixe-nos assegurá-los de que isso mudará.
Muitos de seus antigos interesses serão deixados para trás quando você completar a primeira fase de sua encarnação e avançar para o novo.
 
Por favor, saibam que novas paixões e interesses serão descobertos (ou novas versões atualizadas dos antigos), para combinar com quem você se tornou.
Você os encontra seguindo o caminho da leveza.
O que parece fácil e envolvente?
Quais são os principais elementos de que você gosta?
Peça à sua alma para liderar o caminho.
O que você poderia tentar que é novo?
Que atividades criam a experiência da distorção de tempo (um sinal certo de que você mudou para energias mais altas que estão alinhadas com sua alma)?
A beleza das novas energias nas quais você está se movendo é que o foco está muito mais na experiência do que no sucesso ou fracasso. Isso facilitará você a experimentar e a explorar sem a pressão desnecessária de apego ao resultado.
Você se sentirá muito mais livre para se dar permissão para tentar algo e, se você não gostar, ainda considere isso um sucesso, porque agora você sabe que não gosta e pode simplesmente tentar outra coisa.
E alguns de vocês podem ter habilidades e talentos que vocês costumavam amar em expressões de vidas passadas e que sua alma deseja desfrutar mais uma vez!
A alegria e a presença que vocês costumavam experimentar não se foram para sempre, meus queridos, estão evoluindo e isso é algo que vocês podem começar a explorar sempre que sentirem-se preparados.
Suas alegrias e paixões são elementos vitais de sua expansão e de seu serviço, e estão prontas para fluir em sua vida de maneiras novas e maravilhosas.

Arcanjo Gabriel


Shelley Young

 


 

 

 


 


 
 
 
Agradecimentos a:

Recomenda-se o discernimento.
 
 

Free counters!geoglobe1 esoterismo
Please do not change this code for a perfect fonctionality of your counter esoterismo
 
publicado por achama às 03:47
Quinta-feira, 20 / 12 / 18

VOCÊS ESTARÃO LÁ?~ O Criador, Jennifer Farley


VOCÊS ESTARÃO LÁ?

Escritos do Criador

Transcrito por Jennifer Farley

18 de dezembro de 2018 

Tradução – Adriano Pereira

blogluzevida@gmail.com

 
 
  
.
 



Se vocês se desfizerem de tudo; roupas, carros, pertences, as estranhas armadilhas, crenças políticas e religiosas, com o que vocês ficarão?
 
Alguns dirão: "Nada".
 
Outros dirão: "Há uma pessoa parada ali!"
 
Ao darem os primeiros passos nesta nova fase de mudanças, olhem bem de perto para seus companheiros humanos.
 
Cada um deles têm seu próprio conjunto de experiências, pensamentos, sentimentos e crenças, mas ainda assim, eles ainda são humanos!
 
Esta é a chance de praticar compaixão, empatia e enviar Amor Incondicional.
 
Grandes mudanças estão no horizonte; você e todos vocês precisarão uns dos outros, e O Universo precisa de vocês!
 
Vocês vão realmente estar lá, e presentes? 


 
 
Criador.

 
Agradecimentos a:
 
 
 
  
 

 
Por favor, respeitem todos os créditos
 
Recomenda-se o discernimento.
 



Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.
 


Atualização diária.
 
Free counters!

geoglobe1
 
publicado por achama às 03:25
Quinta-feira, 20 / 12 / 18

A ESPIRITUALIDADE PROFUNDA DE JESUS ~ Moacir Sader


A ESPIRITUALIDADE PROFUNDA DE JESUS.

By Moacir Sader.

16 de dezembro de 2018. 

 
 
.
 
 
 

 
 

Muitas vezes os aspirantes à espiritualidade não são compreendidos pelas pessoas apegadas às crenças ortodoxas e sempre há alguma reação. Os ensinamentos de Jesus são no intuito de que não se deve revidar o mal, porém, a orar por quem agiu negativamente conosco. Para estar pronto para dar a outra face, é necessário amadurecer em termos espirituais. Somente uma alma no verdadeiro caminho da iluminação vê Deus em todos os seres, conservando a paciência no meio dos obstáculos da vida terrena
 
Este é o enfoque visto no Sermão da Montanha, tal como detalhei no livro Viagem à cidade espiritual de Necanerom. Transparece outra forma de espiritualidade, aquela que enfatiza a necessidade de o ser humano mudar interiormente, rompendo com o ego e interligando-se efetivamente com o Deus Cósmico, o deus interior e com todos os semelhantes.
 
Jesus, certa vez, disse uma frase que resume, em importância, o tema central de todo o Sermão da Montanha: “Sede, pois, perfeitos, como é perfeito o vosso Pai que está no céu”. A palavra perfeição transmite idéia de subjetividade, sobretudo, no que concerne à perfeição divina. Onde achar a perfeição? Em que local encontrar Deus?
 
Essa procura não está distante de nós, a rigor, muito perto, em nosso interior, em nosso Eu Superior. Quando a pessoa estiver purificada através de sua evolução espiritual, descobrirá o verdadeiro ser divino em seu interior. Revelar este ser espiritual interior, essa divindade guardada no íntimo, é efetivamente tornar-se perfeito. Essa tese não é tão absurda como muitos querem crer. Foi o próprio Jesus que, segundo o evangelho de Lucas, disse: “O reino de Deus não tem aparência ostensiva; nem se poderá dizer: hei-lo aqui ou hei-lo ali! Porque o reino de Deus está dentro de vós”.
 
Verdadeiramente, o que impede de ver esta verdade, que Deus está dentro de nós, é nossa ignorância, a falta de foco em nosso real estado, que é o espiritual, ainda que dotados de corpo, mente e sentidos temporários aqui na Terra. Cada pessoa atua em muitos papeis terrenos, mas, somos, unicamente, seres espirituais.
 
Os três grandes avatares, Jesus, Buda e Rama krishna não somente manifestaram Deus, enquanto viveram seus dias terrenos, como também insistiram para que todos façam o mesmo. No entanto, os religiosos, na sua maioria, procuram frequentar suas igrejas e ter comportamentos éticos em suas vidas, na esperança de serem recompensados após a morte em face de suas boas ações. Contudo, o ideal mais profundo de Cristo não tem sido seguido, por estar esquecido ou até mal compreendido, qual seja, ascender espiritualmente aqui na Terra.
 
Neste sentido, muitos leitores do Sermão da Montanha acabam por não vivenciá-lo em sua plenitude, já que Jesus, com os seus ensinamentos, quis concretamente dizer que Deus pode ser visto na presente existência, é possível conhecê-lo e ser perfeito enquanto se vive na Terra como Deus é perfeito no céu.
 
Importante ensinamento de Jesus foi a devoção, quando Ele disse: “Amarás ao Senhor teu Deus com todo o teu coração, com toda a tua alma e com toda a tua mente.” Não quis dizer, com isso, que não se deve amar o semelhante ou que não se deve vivenciar o amor humano, pois, o Divino Mestre completa seu mandamento dizendo: e ao próximo como a si mesmo”. Este amor deve, no entanto, ser dado com generosidade, de forma incondicional, sem esperar reciprocidade.
 
Enfatizando a questão da causa e efeito, Jesus ensina que, ao dar esmolas, a mão esquerda não deve saber o que faz a direita: “Que a tua esmola seja dada em segredo: e o teu Pai, que vê em segredo, te recompensará publicamente”. Com isso, Jesus está destacando o efeito da recompensa por boas ações, assim como acontece com as más ações. Nesse sentido, ele disse: “Quem com ferro fere, com ferro será ferido”. Com isso é possível concluir que, tanto as boas ações quanto as negativas geram retornos futuros, o que está popularizado em nossos dias como a Lei Kármica.
 
Confirmando a existência do karma, inclusive de vidas passadas, tal como já me referi neste livro, aqui vale a ratificação: sempre que Jesus curava alguém, mesmo com problemas de nascença, ele dizia: “Os seus pecados estão perdoados”. Em seguida mandava os paralíticos andarem, os cegos verem, etc. Com isso, fica evidente que as doenças, os problemas físicos e os psíquicos são consequências de falhas pregressas, surgem em face da lei de Causa e Efeito, da lei do Karma, evidenciando a existência de múltiplas vidas e da reencarnação.
 
O importante é romper com todos os vínculos kármicos, dedicando todo o fruto do trabalho pessoal desta existência em adoração a Deus, vivendo sem apegos. Isso não quer dizer que se deve viver com preguiça, indiferença pelo que se faz. O desapego aqui está no sentido oposto; constitui-se, em contrapartida, no apego a Deus, na entrega de tudo a Deus (ao Deus Cósmico e não o do Velho Testamento. Como está evidenciado no livro Conspiração Interdimensional, o deus do velho testamento não é o verdadeiro Deus).
 
Em sendo assim, deve-se realizar as tarefas terrenas, buscando sempre a perfeição, uma vez que elas serão oferecidas a Deus em adoração. Por essa prática de entregar a Deus tudo o que se fizer, será possível livrar-se da roda do karma (causa e efeito) e ganhar de presente o paraíso.
 
Sobre a oração, Jesus ensina-nos que esta deve ser feita em lugar discreto, ao dizer: “E quando orardes, não sejais como os hipócritas; porque eles gostam de orar em pé nas sinagogas e nas esquinas das ruas para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo: eles já receberam sua recompensa. Mas, tu, quando orares, entra no teu aposento e, fechando a tua porta, ora a teu Pai que está em oculto; e teu Pai, que vê ocultamente, te recompensará abertamente”.
 
A verdadeira espiritualidade não é exibicionista, é sagrada, secreta. Por isso Jesus falou que não se deve fazer aparato da adoração. A pessoa deve retirar-se para um lugar afastado, realizar os seus pedidos em oração, na certeza que serão atendidos. Lembre que Jesus gostava de orar sozinho nas montanhas.
 
Como especial presente, Jesus ensinou uma das mais belas orações: O Pai Nosso, contemplando os princípios fundamentais para uma vida santificada:
 
Pai Nosso… (para se fazer a conexão com Deus em adoração) que estais no céu (o céu está para além de um lugar físico. “Estar no céu” é perceber Deus internamente). Santificado seja o vosso nome (quando mais repetir o nome de Deus, atrai-se a força espiritual que o seu nome carrega em si). Venha a nós o vosso reino (com visão espiritual aberta é possível ver o reino de Deus internamente, aqui e agora). Seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu (a vontade de Deus é tudo que nos conduz a Ele). O pão nosso de cada dia nos dai hoje (esse pão é a graça divina, que precisa ser revelada agora em cada pessoa, neste tempo existencial). Perdoai as nossas dívidas, assim como perdoamos aos nossos devedores (todas as dívidas kármicas serão perdoadas, quando se perdoar também os inimigos, momento em que se é religado a Deus em adoração). E não nos deixeis cair em tentação, mas, livrai-nos do mal: porque vosso é o reino, o poder e a glória para sempre. Amém. (É preciso refrear os sentidos, especialmente os que geram pensamentos e sentimentos negativos e voltar para dentro, onde Deus se encontra).
 
Como se vê, seja nos evangelhos apócrifos, seja nos textos bíblicos, Jesus ensinou uma espiritualidade muito mais profunda do que a que é vislumbrada nas religiões tradicionais. Ele mostrou o amor generoso e a compaixão por todos e o caminho para a iluminação, o interior. “Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras e as põe em prática, assemelhá-lo-ei ao homem sensato que edificou a sua casa sobre a rocha”. A experiência espiritual, com base nos ensinamentos profundos de Jesus, seja na Bíblia e, principalmente, nos textos apócrifos, é a rocha sobre a qual se deve construir a morada, ou seja, o nosso espírito.
 
Texto do livro Amor e Conhecimento de Moacir Sader
 
Luz, amor e Conhecimento
 
Fonte: Sader – Qualidade de Vida ao Seu Alcance

artigo anterior






 


 
NR: Tudo indica que o nome Jesus não é verdadeiro. Parece que foram os farizeus que lhe derem esse nome com desdém uma vez que significa algo como "o rejeitado". A igreja de Roma adotou-o no ano 315. 
Segundo uma obra recebida via sinais de rádio tipo morse na década de 1980, o segundo livro da série de Phoenix Journal "AND THEY CALLED HIS NAME IMMANUEL --- I AM SANANDA" o seu verdadeiro nome parece que é "Essu Emanuel" (gafia em português).


 
Por favor, respeitem todos os créditos


Recomenda-se o discernimento.






Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.






Atualização diária.



Free counters!
 
 
 
geoglobe1
 




 
 
 


Porque o Google está censurando alguns artigos, estamos a mudar para:


Nossas desculpas pelo incidente.


Se se lembrar do nome do autor ou a palavra-chave, tente o elo abaixo em letras minúsculas.
  • http://achama.biz.ly/cgi-bin/blog?tags=
examplo: 

Se o nome for José Freeman = jose freeman ou jose+freeman

http://achama.biz.ly/cgi-bin/blog?tags=jose freeman

Cole uma cópia na barra de endereço do seu navegador e digite.
 
 
publicado por achama às 03:19
A Luz está a revelar a Verdade, e esta libertar-nos-á! -Só é real o AMOR Incondicional. -Quando o Amor superar o amor pelo poder, o mundo conhecerá a Paz; Jimi Hendrix. -Somos almas a ter uma experiência humana!

mais sobre mim

Dezembro 2018

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
19
22
23
24
25
27
30
31

últ. recentes

  • Thank you Mateo, It is fixed.
  • Thank you for reposting my article. However the or...
  • "Hoje é um homem de missão cumprida, engenheirão v...
  • Bacana esse post, vou compartilhar no facebook, cr...
  • O Sathya Sai Baba ainda está entre nós e vive na Í...
  • Olá, obrigado pelo comentário.Sempre que dermos ou...
  • Sempre que dermos ouvidos à voz que vem do coração...
  • Ola Manuel, muita luz para você ,é a primeira vez ...
  • fale alguma coisa,de mim sou poliana miguel
  • Você fala com anjos ,pede um deles mandar uma mens...
  • A "vida real" é uma ilusão Toda a matéria é formad...
  • Bom dia,reparámos que o seu blog faz uso de textos...
  • O Amor é tudo o que existe e na sua mais pura exên...
  • usando uma metafora descrevendo a vida real, e nao...
  • o odio deve-se à permissao do mal andar entre nós,...
  • Obrigado pelas suas palavras. Fiquei a conhecer po...
  • Adoro este artigo. Já tinha conhecimento do assunt...

subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro