Pensamento do Dia, 3 de julho de 2016.

Sathya Sai Baba.

https://1.bp.blogspot.com/-FLTa2zXFPjU/U9wn-KTgRGI/AAAAAAAAIcA/CsK3ed5uYxA/s320/sathya_sai_baba.jpg
 

 
A partir dos quatro Vedas, nossos ancestrais selecionaram quatro afirmações muito especiais (Mahavakhyas) e nos ensinaram seu significado.

Estas quatro são Prajnanam Brahma, Ayam Atma Brahma, Tat Tvam Asi e Aham Brahmasmi.

Estas declarações implicam que Brahman (Divino) é sinônimo de Prajnana (Conhecimento) e que o Atma (Alma) é Brahman, e que Brahman é você mesmo.

Com elas seremos capazes de ver que, no estado de dissolução, tudo é um e a mesma coisa.

Neste estado de dissolução, todo mau e bom, todas as coisas que são atraentes e não atraentes parecem uma e a mesma.

Todas as coisas parecem como se fossem a mesma coisa.

A diferença entre nomes e formas não é distinguível.

Neste estado só se pode experimentar bem-aventurança.

Simplesmente porque não se percebe a luz interiormente, o indivíduo não deve dizer que não há Brahman internamente.

Em todos, essa capacidade de brilhar está presente como Prajnana.


(Chuvas de Verão em Brindavan, 1974, Volume 1, Capítulo 5)

 

Canal Youtube: Sai Love

 
Mais e diversos artigos espirituais e denúncias atualizados em achama.biz.ly
 

Recent Posts






MAIS PENSAMENTOS AQUI

Por favor, respeitem todos os créditos.


Recomenda-se discernimento.

Todos os Artigos são da resposabilidade do respectivos autores.

Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente em cada um de nós.

Atualização diária


 
publicado por achama às 14:53