A Chama da Ascensão

pesquisar

 
Sábado, 26 / 12 / 15

ENTRANDO NA LUZ. ~Jeshua* via Yael e Doug Powell.

ENTRANDO NA LUZ.

Mensagemde Jeshua*, 

canalizada por Yael e Doug Powell.

25 de Dezembro de 2015.

Tradução: Regina Drumond.

Amado, à medida que você entra nesta época do ano, o momento em que a luz é clara e pura, o momento em que o sonho é colocado de lado, você pode permanecer na luz e ver em todos os lugares, o momento em que ocoração cria a consciência de sua liberdade. Venha, amado, e lembre-se de que a glória do Cristo é você.
Este amor puro é o que você é. Não há nada que possa impedi-lo. Quando o seu coração aceitar este fluxo glorioso, lembre-se de que você já é um Comigo. Você é o Cristo, a encarnação de Cristo.
Mas isto significa apenas que você está livre do sonho da separação. Não há nada que seja diferente, nada a permitir que o ego passe mais continuamente os julgamentos.
Quando você entrar neste momento do despertar que é concedido a toda a humanidade, amado, absorva-o e faça-o seu. Que você possa optar por nunca sair dele novamente, mas sim, que viva como Amor.
A luz pura é aquilo que se conhece como vindo completa e íntegra. O Amor puro é aquilo que move, dá e vive na comunhão eterna com ocoração. A pura alegria é sempre o resultado.
Avance e seja as Minhas mãos, seja o Meu coração, seja o Meu Amor. E você estará livre do sonho de um ego separado e se conhecerá como o coração de Deus.
Esta liberdade pertence agora a todos. Ela não vem como um resultado de algum sucesso mensurável. Ela vem porque é a verdade do seu ser e você está pronto para reivindicá-la.
Assim, neste momento de Amor, seja a consciência de Cristo, a maravilha do coração de Deus, manifestada como tudo. Permita que este Amor que sempre envolve toda a vida, que, finalmente, seja a sua identidade, enquanto você ultrapassa a identificação com o ego e compreende que há um movimento de Amor, e o seu coração é isto.
Enquanto você entra na abertura do sonho, a alegria se torna o seu próprio nome. Todas as maneiras que você acreditava que seja algo diferente do Amor, desaparecem, e você está no lar, você é a liberdade.
Até agora, você encarou Jeshua e outros que viveram o Amor, como algo diferente de si mesmo. Mas agora, amado, lembre-se de que este mesmo Amor é você. E tudo o que você tem a fazer é reivindicá-lo.
Neste momento, você precisa somente dizer sim e permitirque as identidades da mente/ego se desintegrem. Neste momento, agora, seja simplesmente o Amor, o coração aberto, a aceitação e alegre-se, pois você está livre.
Você não pode avaliar esta liberdade, compará-la ou contrastá-la. Amado, você pode apenas senti-la no reino em que os sentimentos de Deus são a fonte de comunicação e esta comunhão Comigo é a comunhão com a sua natureza mais profunda.
Você já disse “sim” a este momento, a este momento do nascimento de Cristo neste ano, neste ponto em que a luz pura está disponível, como ela nunca esteve antes disponível. E o brilho desta vibração de mudança o arrasta em seu abraço, e você recorda que tudo o que você precisa fazer é liberar o sonho e você estará em Meu alcance para sempre.
Será que pode sentir o presente desta abertura como aidentificação com a desintegração da mente/ego? Pode descobrir como é gloriososer o Amor, não permitindo que nada interfira e que seja este Amor que vive nomundo?
Se houver um momento em que você assimilar o ego/mente, experimentá-lo novamente por algum tempo, irá se tornar cada vez mais fácil reconhecer que ele não se encaixa. Que este não é quem você é. Observar a vida através das identidades da pequena mente o mantém restrito e o impede de que viva como Amor. Você é realmente o coração aberto. E no coração aberto há êxtase. Há a alegria mais surpreendente que você vive, além das idéias de mudança ou definições de personalidades individualizadas. Há somente Amor.
Agora você o está vivendo.
Há uma grande onda do Amor perfeito quando você abre o seu coração e se entrega. Quando você permitir viver perfeitamente este Amor, lembre-se de que há somente uma história aqui na Terra. É a história do esquecimento de que você é o Cristo, que você é realmente o Meu coração perfeito, e a história de sua lembrança da verdade.
Quando você vê o mundo a partir da perspectiva do coração, amado, isto é tudo o que está acontecendo, não importa qual seja o enredo, ou a distância que a separação trouxe. É tudo a mesma coisa – o esquecimento da verdade do Amor e a recordação, a volta.
Se o ego/mente se sonhou em uma vida encarcerada, ou um candidato a assassino para o anti-amor, isto requer somente uma mudança – a mudança para o coração e cada história é esquecida, cada sonho do ego desaparece e em seu lugar fica o Amor perfeito.
Esta mudança está agora ocorrendo para toda a humanidade. É um movimento de abertura do coração, um momento de se lembrar do Amor, um retorno à unidade, uma aceitação alegre de sua verdadeira identidade e o sonho da dualidade se desvanecendo. E somente permanece o Amor.
A demonstração aconteceu muitas vezes, por muitos que têm sido vistos como aqueles que apresentaram o Amor perfeito. Mas já, o sonho do ego se foi. É só uma avaliação do momento.
Celebremos que isto é feito. A grande liberação está aqui, amado, e é Minha. Pois, Eu estou alcançando o mundo e oferecendo este Amor perfeito que abre o coração, até que você sinta o fluxo, até o momento em que o esquecimento desapareça.
Você é o coração que reivindica a verdade de Deus.
Em seu âmago, amado, permita que a comunhão do coração se torne abrangente. Seja o “sim” ardente. E quando você permitir que o Amor viva cada momento seu, a perfeição do despertar do Amor servirá a toda a humanidade, quando coração após coração se lembrar de que há somente o Amor aqui.
Permita que este ano seja o nascimento de Cristo em você, até que tudo o que você sinta e conheça seja este fluxo que vive perfeitamente aqui no mundo como você.

*NR: Também é conhecido por Issa (Islão), Essu, Emanuel, Sananda, etc. (Espiritualidade) e Yeshua, Jesus e Jesuá.






Agradecimentos a
Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Yael e Doug Powell


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.


Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.


Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.


Atualização diária


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly
publicado por achama às 15:41
Sexta-feira, 18 / 09 / 15

AMOR ABSOLUTO, LUZ INFINITA ~ Jeshua* via Judith Coates

Mensagemde  Jeshua (Jesus)*, 

Canalizada por Judith Coates

17 de Setembro de 2015.

Tradução: Regina Drumond 

 
Agora, amados, falaremos sobre um vasto assunto. Falaremos sobre Deus.
Deus não é uma entidade. Não é um Ele. Não é um Ela. Deus está além de qualquer descrição, no entanto, a mente humana quer saber e quer definir e redefinir e mudar. Isto é bom, porque a cada vez que vocês mudam, permitem uma expansão da consciência para compreenderem mais.
Você é Deus, uma essência de Deus, aqui, expressando-se. Vocês dirão: “Bem, isto deve ser uma porcentagem muito minúscula de Deus.” Istodepende de sua auto-imagem, não é? Eu direi que todos vocês são Deus aqui. Vocês nem sempre o ativam. Nem sempre entram em sintonia com Ele, mas vocês são Deus, tendo uma experiência como um ser humano.
Esta não é a primeira experiência que vocês tiveram, porque continuam acrescentando, o que é uma das coisas mais belas sobre Deus. Deus não pode ser contido, não pode ser definido em quaisquer termos humanos, em qualquer vocabulário humano. Ele está além de tudo isto, e, no entanto, vocês são a essência que vêm mais uma vez para participar, para criar, para expor uma definição, e, no entanto, ao darem uma definição, vocês já estão limitando Deus.
Eu falei muitas vezes, que Deus é Amor, e lhes disse que o amor é a coisa mais próxima em sua experiência para compreender a expansão de Deus. Quando vocês se apaixonam por alguém, esquecem-se do pequeno eu. Vocês querem saber onde eles estão, o que estão fazendo, o que estão pensando, e não podem esperar para se encontrarem com eles mais uma vez e perguntarem: “O que você fez neste dia? Com quem você falou? O que você pensou hoje?” Vocês se esquecem de si mesmos, do pequeno eu, ao se apaixonarem por outra pessoa.
Eu tenho que usar palavras humanas para explicar Deus, mas Deus não pode ser conhecido pela mente. Não pode ser conhecido através de uma definição. Não pode ser conhecido através de palavras. Mas as palavras  podem ser pistas quanto a um sentimento, o sentimento da expansão, o sentimento da Totalidade, de ser aceito sem mesmo ter que pensar em ser aceito. Não há um pensamento.
No amor de Deus, não há pensamento. É uma sensação de estar além de qualquer coisa que vocês conhecem em termos humanos. Mas o amor humano pode lhes dar uma pista. Portanto, vocês uniram as moléculas de nossa sagrada Mãe, a Terra, o pó da Terra, para criarem um corpo. Vocês reuniram a energia em uma forma para expressarem este amor, para serem capazes de falar, de abraçarem, de olharem nos olhos do outro e se perderem nos olhos do outro, de serem capazes de se esquecerem do pequeno eu.
Isto não tem que ser somente com outra pessoa humana. Pode ser com um amado animalzinho de estimação. Vocês olham em seus olhos e se perdem momentaneamente ou por mais tempo. Vocês se perdem no amor por eles. E pensam, até mesmo com um pensamento que não é um pensamento: “Eu sou Um com este que amo. Eu sou Um com a pessoa, ou sou Um com o animalzinho. Eu sou Um ao estar apaixonado por alguém e por todos.”
Vocês chegam a um espaço, como os seus grandes mestres chegaram, onde todos eles vivem neste amor. Eles não julgam. É um amor sem julgamento, sem mente. É um amor sem pensamento. Ele não julga, porque não há nada a julgar. Tudo É, e tudo não é julgado. É Amor.
Quando vocês estão apaixonados por alguém, vocês não julgam. Vocês vivem no espaço do não julgamento deles, assim como vocês esperam que eles não os julguem.
Pois, na verdade, se eles estiverem apaixonados por vocês, eles não os julgarão. Não há pensamento. Há somente o sentimento de Totalidade, o sentimento que: “Eu cheguei ao Lar.” Às vezes, vocês os encontram em outra pessoa. Às vezes, vocês os encontram até mesmo em uma frase em um livro, onde as luzes se acendem e vocês sabem que estão no Lar naquele momento. Ou alguém pode lhes dizer algo, e, de repente, vocês são aceitos neste sentimento, e sabem que estão no Lar.
É um espaço verdadeiro e maravilhoso para estar. Pois, naverdade, o que vocês estão buscando é conhecer o sentimento da aceitação, o sentimento do não julgamento, o sentimento do amor, onde vocês sabem que são perfeitos. Agora, o seu mundo não lhes diz isto. Seu mundo diz que vocês sempre devem estar lutando para se tornarem melhores. A partir do momento em que eram crianças, os pais lhes disseram que vocês não eram perfeitos; que vocês poderiam ser melhores. Por diferentes meios, eles tentaram convencê-los de que vocês poderiam ser melhores.
Ainda que chegassem em casa, de sua escola, e trouxessem notas altas, os pais, em seu desejo de torná-los melhores, diriam: “Bem, agora, certifiquem-se de fazer isto novamente, no mês que vem. “ E vocês diziam: “Mas eu pensei que já havia alcançado este lugar.” E sim, vocês o fizeram. Mas é a maneira dos pais de quererem vê-los perfeitos, e vocês já são perfeitos.
É o amor equivocado dos pais – eu o colocarei desta maneira – onde eles sentem que deveriam ser capazes de orientá-los, moldá-los de acordo com a sua idéia de perfeição. Mas deve ser deixado que vocês vivam a sua própria perfeição, que vocês podem reconhecer mais tarde, a menos que entrem em uma repetição com aqueles que são seus parceiros, que estão lhes mostrando o que os pais estiveram fazendo, e vocês poderiam viver isto por algum tempo, talvez, duas ou três vezes mais, até que, finalmente, tenham uma encarnação onde sabem – onde sabem que já são perfeitos.
Vocês conheceram aqueles que parecem ir passando pela vida como os seres mais maravilhosos, e vocês se perguntam: “Que segredo elesconhecem?” Eles conhecem a sua perfeição. Eles sabem que chegaram aqui perfeitos. Mas eles são ainda poucos, em número, porque o seu mundo é um tirano muito forte e severo.
Seu mundo está cheio de "deveria", como vocês sabem. Meu mundo há dois mil anos tinha "deveria" nele também. Houve momentos em que eu precisava me sentar próximo à água que fluía e observar a água, que não se julgava. Ela somento mostrava aquilo que é: as moléculas de energia sob a forma de água que fluem para sempre. Eu entendi a partir disto que eu era energia também, que eu tinha me criado em uma determinada forma e modo, mas realmente eu era a obra do Pai.Falei-lhes do Pai amoroso que está além do pai humano, porque os pais humanos, às vezes, podem perder  a meta, um pouco ou muito. Então, eu espero que vocês entendam que o Pai de quem eu falo, Abba, é eternamente amoroso, porque você são o próprio Amor encarnado, perambulando, criando, experimentando.Cabe a vocês, se vocês são Amor - e lhes garanto que vocês são -  amorosos; amorosos com outros com quem vocês têm interação, mas ainda mais do que isso,  amorosos para si mesmos. Se vocês não se amarem, quem irá amá-los?
Quando vocês reservam um tempo para si mesmos, para a meditação e o silêncio, vocês comungam com a Totalidade que vocês são, com a Paz que vocês são. Vocês estão tocando, vivendo e habitando no Amor de Deus, na Totalidade do Amor Absoluto que não conhece o julgamento, não conhece o pensamento, conhece somente a Paz, o Amor absoluto. Nada mais existe.
O mundo dirá: “Bem, estas são lindas palavras, mas e quanto às coisas que eu concordei em fazer? E quanto às decisões que eu tenho que tomar? As pessoas estão esperando que eu tome uma decisão.” Eu lhes garanto que quando vocês passarem um pouco de tempo com vocês mesmos, em paz e em silêncio, as respostas virão até vocês, sem terem que correr em um frenesi, tentando decidir o que é certo. Vocês saberão. Haverá um conhecimento silencioso que virá a vocês.
Permitam-se viver na paz, porque este é o seu direito nato. Este é de onde vocês vieram, e para onde irão depois que deitarem o seu corpo e não mais o usarem. Vocês irão para a paz perfeita.
Agora, eu sei que vocês têm histórias. Suas organizações religiosas e filosóficas e assuas autoridades, que parecem saber mais, têm lhes dado muitas histórias do que acontece depois que vocês deitarem o corpo. Mas, felizmente, algumas pistas chegam a vocês, que sugerem que vocês vão para uma Luz; que há Luz no fim dotúnel e que vocês vão para esta Luz.
Esta Luz é sua. Esta Luz é a Luz que vocês são, mesmo quando estão se concentrando em uma encarnação humana. Vocês são Luz infinita, e vieram de um espaço de Luz. Vocês vieram de uma consciência de conhecer a Luz. “E Nele não há trevas.” Agora, eu mudaria esta declaração para dizer: “Em Deus – não é um gênero – não há trevas. Há somente Luz.”
Vocês são Luz agora, enquanto estão ativando o corpo. Seus cientistas estão provando isto para vocês quando tiram fotos da aura, e vocês vêem a Luz ao seu redor. De onde vem esta Luz? Está vindo de vocês. Isto é porque ela muda de tempos em tempos, dependendo de suas emoções (energia em movimento) e da consciência. Vocês podem tirar uma foto em um dia, e voltarem no dia seguinte, tirarem outra foto, e a Luz será diferente.
Da próxima vez que tiverem a oportunidade de terem a aura fotografada, permitam-se estar muito, muito alegres, porque quando vocês estão felizes – como a criancinha que se rejubila na vida – neste ponto a aura aumenta mais ainda.
Vocês são Luz infinita. Vocês vieram da Luz infinita e à Luz infinita vocês retornarão quando terminarem com a cápsula que criaram para si mesmos, para viverem. Quando concluírem nesta realidade, retornarão à Luz, a Luz que vocês são.
Vocês têmos indícios mais maravilhosos chegando para vocês agora, onde não têm que acreditar que passarão um determinado número de anos em um lugar que irá purificá-los de todos os seus pecados. Ou em um lugar que os purificará pelo fogo. Eu sempre me perguntei sobre isto, que, se vocês queimarem algo, no que isto se transformará? E isto é purificação? Vocês poderiam dizer, na maioriadas vezes, que as cinzas são um pouco o lado sujo, um pouco do que vocês querem limpar. Assim, eu sempre quis saber sobre isto, como o fogo irá purificá-los. Está bem, isto é um rumor. Isto é uma história.
Esta idéia lhes foi dada para mantê-los na forma, e “seguirem aqueles que devem saber mais do que eu”. O que eles me dizem deve ser verdade. Não tenho muita certeza por que, mas me foi dito que eles sabem mais do que eu. E também as suas autoridades, os seus pseudo mestres lhes deram todos os tipos de histórias para mantê-los na linha, para fazê-los seguir tudo o que eles queriam que vocês seguissem e, basicamente, para darem as suas moedas de ouro para a preservação desta história.
As moedas de ouro sempre parecem estar na linha de base deste mundo. Nada há de errado com as moedas de ouro. No entanto, se a posse das moedas de ouro os escravizassem, então, é onde o problema estaria. Mas nada há de errado com as moedas de ouro, até mesmo com muitas moedas de ouro.
Vocês têm exemplos daqueles que têm muitas moedas de ouro, e eles fazem muito bem, permitindo que outros se beneficiem de suas doações e de sua visão de partilha. Alguns dos outros, por causa de vidas passadas onde eles sentiram que eles não tiveram o suficiente das moedas de ouro, tentarão mantê-las enquanto puderem.
Mas, então, como vocês entenderam a partir de suas próprias vidas, as moedas de ouro não podem lhes trazer segurança, felicidade, boa saúde. É uma falsa crença e um falso deus a ser adorado. Vocês chegaram, na maioria das vezes, a um equilíbrio de compreensão das moedas de ouro. Elas são para serem usadas para promoveremos ideais do amor e da compaixão, da Unidade.
Agora, como vocês viram, a fim de definirem Deus, vocês têm dicas. Mas qualquer definição com que surjam, não é a totalidade de Deus, porque Deus não pode ser definido ou limitado. Deus não se encaixa em um pequeno pacote. Deus é isto e mais. Assim, quando falamos que Deus é Amor, esta é a pista para o sentimento de Deus, o sentimento da expansão, o sentimento da paz e da total aceitação.
Pois Deus, se Ele fosse uma pessoa, olharia para vocês e não veria falha. E Deus é mais do que isto. É, como eu disse, o Amor absoluto que nada conhece diferente do Amor. E vocês, como a extensão de Deus que entra em uma encarnação, vocês são a Luz, a Energia do Amor. Vocês colocaram a Energia Divina na forma manifesta da energia da Luz, e vocês assumiram uma qualidade da Totalidade para demonstrarem, saberem por si mesmos que vocês são muito mais do que apenas o grão de areia que alguns dos seus líderes religiosos/filosóficos disseram que são – somente um pequeno grão de areia.
Vocês são muito mais do que isto. Vocês contêm na consciência, quando o permitem aceitar e trazer à Totalidade, vocês contêm a Totalidade de Deus, e, sim,  vocês podem saber disto até enquanto estiverem em uma encarnação. Vocês têm mestres que atingiram esta consciência. Seus Mestres, muitas vezes, escolheram uma encarnação que é mais difícil e que exige mais amor.
Vocês podem tocar o espaço do Amor e da Totalidade. Isto irá mudar toda a sua visão sobre tudo. Isto irá lhes dar uma visão mais ampla do que se trata a vida humana e o que é a Vida, com “V” maiúsculo. Vocês são o Amor absoluto que escolheu mais uma vez se trazer a uma forma menor.
Vocês são a Luz infinita que manifestou no mundo físico a Totalidade do Amor. E vocês são a Luz e o Amor de Cristo. Vocês nem sempre o reconhecem em si mesmos. Algumas vezes, reconhecem-no nos outros. Vocês podem vê-lo nos outros. E a fim de verem nos outros, vocês têm que ter um ponto de referência em si mesmos, caso contrário, não o veriam.
Vocês são o Cristo. Vocês são a Totalidade de Deus que entra nesta área da encarnação trazendo a Totalidade a um espaço em que podem então se relacionar com os outros, porque vocês disseram: “Eu quero conhecer todas as minhas partes”. Assim, eu lhes digo, olhem em volta. Estas são todas as suas partes – e ainda mais.
Sigam sempre como o Cristo que vocês são. Cristo não viveu apenas há dois mil anos. Ele não somente se encarnou em um Yeshua. Ele vive até este dia e tempo e os ama. Permitam-se viver no Amor. Vocês são o Amor Absoluto, a Luz Infinita de Deus.
Que assim seja.

Agradecimentos a Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
 
* NR: Também é conhecido por Issa (Islão), Essu, Emanuel, Sananda, etc. (Espiritualidade) e Yeshua.


Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos deste escritor em português:
http://rayviolet2.blogspot.com/search?q=Judith Coates


Todos os artigos são da responsabilidade do respetivos autores ou editores.
Nenhum credo religioso ou político é defendido aqui.
Individualmete pode-se ser ajudado a encontrar a própria Verdade que é diferente a cada um de nós.

Atualização diária 


Se gostou! Por favor RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly 
publicado por achama às 00:51
Sábado, 24 / 01 / 15

SUAVE É A VOZ DO AMOR -- Jeshua via Judith Coates

 

SUAVE É A VOZ DO AMOR

Mensagem de Jeshua ben Joseph (Jesus)*

através de Judith Coates

23 de Janeiro de 2015.

Tradução: Regina Drumond

 
Amado, sei que o mundo o chama e ele é muito insistente. Ele exige a sua atenção. O mundo pedirá sempre a sua atenção, mas você tem a opção de, se viverá no mundo e nas complexidades do mundo, ou se voltará ao Lar.
Você tem a opção de permanecer em paz, de dar a respiração profunda e voltar ao Lar novamente. Sempre que você voltar ao Lar, mesmo que por um momento, e sentir a paz, você permitirá que tudo ao seu redor chegue a um espaço de paz, também. Todas as células do corpo têm uma oportunidade de se expandir. Você sabe que quando está muito ocupado, correndo para cumprir todos os prazos, as células do corpo se contraem? Você se percebe, talvez, com as mãos cerradas. Você sente, talvez, a tensão na testa. Você sente todo o corpo sendo contraído, e, no entanto, quando você dá esta respiração profunda, é como mágica. Isto lhe permite relaxar. Isto permite a circulação da Luz dentro do corpo. Não somente a circulação no físico, como nos vasos sanguíneos e em tudo o que está acontecendo com os órgãos do corpo, mas permite que o seu ser espiritual se expanda e você chegue a um espaço que realmente o mundo não conhece.
O mundo lhe dirá que tudo está indo para um lugar muito perigoso. Mas você não precisa ir. Esta é a boa notícia. Esta é a notícia que eu vim trazer, meu evangelho, a boa nova, dizer-lhe que você não tem que viver no que o mundo irá ditar.
No mundo, como você viu, você terá guerras e rumores de guerra, sempre o conflito acontecendo ... até agora. Mas isso está mudando. Houve um número suficiente de vocês que tem lembrado, pelo menos, de um pouco de paz. Você pesquisou isto, você têm ansiado por isto nesta vida e em muitas outras vidas, também.

Esta não é a primeira vida em que você quis despertar e permanecer em paz e amar os outros e ter os outros vendo a divindade em você quando, às vezes, você não a vê em si mesmo. Esta não é a primeira vida em que você teve uma sugestão dentro de si mesmo que dizia: "Deve haver algo mais." Com este questionamento você partiu em uma jornada para encontrar o mais, para lembrar Tudo o que você é.

Eu amo o que você é, porque eu sei o que você é. É o mesmo que eu sou. É o mesmo que todas as qualidades que me foram dadas e descritas, como sendo tão milagrosas. Estas são as suas qualidades, também, porque não há separação no Um, Aquele que Somos. Então você pode ir livremente e estar na alegria, porque você tem criado todo o sofrimento que você  precisou criar.
Você é o criador do seu universo e o criador daqueles com quem você convida em seu universo para participar e lutar. Você é o criador. Se não  gostar do que está criando, não há absolutamente ninguém e nada que o impeça de mudá-lo – de estar no sofrimento e se dirigir para o amor e amar a todos, ver o Cristo neles, ver o melhor neles e ver o melhor em si mesmo.
Quando você olha para o outro e tem o julgamento daquele, de onde vem este julgamento? Ele vem  de você, de sua mente, e, então, você projeta aparentemente em algum lugar, em alguma pessoa. “Eles” estão fazendo X, Y e Z. Mas, realmente é a sua projeção sobre o que você vê lá fora.
Quando você se torna mais tranquilo com você, sem se julgar e encontrar falhas – o que foi um hábito que lhe foi ensinado por muitas gerações – quando você se torna mais confortável com você e sabe realmente que: “Eu sou a extensão da Fonte. Eu sou amor, somente e verdadeiramente o amor”, então voce começa a ver mais amor em seu mundo.
Você precisa, porque você está vivendo e nadando neste reservatório. Você está nadando no reservatório do amor, porque isto é o que você está projetando, é isto o que você está vendo, porque você sabe que a Fonte – Pai/Mãe/Deus/Deusa/Tudo O Que É/a Fonte- permite-lhe que você escolha ver o que escolher e estar em qualquer espaço em que achar que está.
Você tem a liberdade perfeita. Então se você tem a liberdade perfeita, por que permanecer tenso por mais tempo no lugar em que não se sente bem? "Bem, eu não sei. Talvez eu não seja assim tão bom. Eu realmente não tenho lido todos os livros que eu preciso ler. Há toda uma série de livros na estante, e eu sei que se eu ler cada um desses livros e realmente meditar e estudá-los,então eu estaria mais perto de ser perfeito".
 
Quer apostar? Provavelmente, você iria acabar por se colocar para dormir várias vezes. Você já é perfeito; este é o ponto. Você já é aquilo que sempre foi: a extensão da Fonte; divino. Quando você se permitir assimilar isto, mesmo que seja um pouquinho, você começará a ver o mundo um pouco diferente.
Quando você olha para o mundo, algumas vezes, você se pergunta:”De onde estão vindo estas pessoas? Por que elas dizem e fazem isto?” Elas estão em um espaço onde lhes foi dito que elas não são perfeitas, que elas não são dignas, que elas têm que continuar tentando, e mesmo que elas o façam, é provável que não consigam. Bem, quando se vive com um certo veredicto como este em suas cabeças, não há um espaço para ser feliz, e eles não serão colegas de trabalho felizes também. Eles não verão o melhor em você. Els não verão o melhor em todos os outros ao redor, porque eles não têm este conhecimento em si mesmos.
Então, o que você pode fazer é ver o Cristo neles. Veja o seu potencial. Veja o que eles talvez não vejam ainda: como eles são bons everdadeiramente perfeitos.

Como seria se lhe fosse dito que tudo que você já escolheu fazer tem estado em perfeita ordem para lhe trazer a este espaço onde você está agora? Isto iria parecer realmente bom, e é verdade. Tudo o que você jácriou, cada pilha de escombros, esterco em que você subiu e atravessou,trouxe-o agora a este espaço.

Assim, portanto, talvez aquele monte de estrume fosse realmente umfertilizante; eram, na verdade, os nutrientes que lhe permitiu crescer comoas plantas e as flores. Talvez, todas essas lutas nesta vida e em outras vidas o trouxeram a um espaço mais benéfico e divino, onde você podedizer: "Eu superei tudo o que foi, aparentemente, apresentado a mim."

Agora, realmente você o convidou e o criou, e não porque você tenha fracassado, não porque você tenha  pecado. Essa palavra tem sido usada em demasia. Você nunca  pecou. Você fez escolhas e você tem vividocom os efeitos dessas escolhas, e às vezes, você julgou esses efeitoscomo desagradáveis.
Quando você encontra o lugar em que você sabe que pode ser livre, quevocê pode expressar o amor que você é, a divindade que você é,  existe uma paz tão imensa, que aqueles ao seu redor, podem senti-la. Aqueles em torno de você sentem a paz e querem estar perto de você, porqueesperam que ela irá envolvê-los, também, e isto ocorre realmente.

Sua paz sempre vai adiante de você. Sua paz sempre segue e toca outros.Eles querem saber o amor que você tem por eles. Você está chegando a um ponto de entendimento, de que tudo o que existe, verdadeiramente, é o Amor. Todos os outros efeitos são apenas revestimentos que cobriram oamor. Quanto mais você  aceitar o amor, mais amor você irá encontrar.

O amor é muito suave. O amor espera por um convite. O Amor diz: "Eu estarei sempre aqui. Você pode fazer o que  precisar  no mundo e, em seguida, você pode voltar para mim, porque eu sempre estarei aqui". OAmor espera, permanece para sempre; é a sua verdadeira natureza.

Assim, você pode ter o que você vê como milhares de anos de tempo e você pode ir como o grande guerreiro na separação onde você sente que você pode ser tão desagradável e  tão mesquinho  para os outros, comovocê desejar, e isto realmente não irá afetá-lo. “Eu sou forte, e ninguém, ninguém, irá me vencer.
” Você viveu esta vida. Algumas vezes, você até mesmo entrou neste espaço, mas somente por um curto período de tempo, e, então, você volta ao que parece realmente bom; não ao poder do mundo que está em conflito.
O poder do mundo, muda, e você pergunta: "O que aconteceu? Eu pensei que tinha o segredo. Eu achava que sabia como permanecer no poder.”Seus líderes, assim chamados, acham que isso seja verdade. Eles queremo poder. Eles sentem que eles sabem como conduzir. Em seguida, eles ficam na posição onde eles podem liderar, e o que eles fazem? Elesrecuam.

Os seus líderes atuais não lideram. Você sempre vê seus líderes lá fora,no campo de batalha? Eles não lideram. Eles forçam. Mas você podeliderar através do exemplo. Há muitas pessoas sinceras que queremliderar pelo exemplo. Eles se esforçam muito para apresentar o que eles sentem profundamente em sua alma: o amor. Eles tentam manifestá-lo eeles acham que ainda, até aqui, o mundo não parece entendê-lo.

Mas a boa notícia é: há energia que você convidou para estar com vocêagora, para permitir  o amor, para permitir visualizar  uma maneira melhor de se viver. Todos os seus irmãos e irmãs que parecem estar sofrendorealmente querem estar em um espaço de saber que eles estão bem, que eles são dignos, que eles serão cuidados, que eles são poderosos no amor que eles são.
A consciência coletiva está evoluindo para um espaço de querer conhecer a paz. O que você vê acontecendo agora no cenário mundial é bem o fim da velha maneira de pensar. Agora, isso pode levar algum tempo. Pode levar o resto da sua vida, ou não. Nada está escrito em pedra, em concreto. Tudo é maleável. Tudo é mutável.
Mesmo os que vêem tudo o que está errado ainda mantêm a esperança, e onde houver esperança, haverá nova visão. Na verdade, você temesperança. Você tem esperança de que as coisas irão melhorar, e eu estou aqui para lhe dizer que, sim, elas estão ficando melhores, talvez aos pouquinhos, talvez aos trancos e barrancos, ao longo do tempo, em que há este momento de Ah!, em que alguém, de repente, irá perceber: "Eu tenho escolha. Eu não tenho que viver desta maneira. Eu tenho escolhapara me aceitar, e como eu sou maravilhoso", porque você é. "Eu  tenho aescolha de ver a beleza no outro que está diante de mim. Eu tenhoescolha. "
Com esta mudança de perspectiva aparentemente pequena de que você tem escolhas, vem a liberdade, vem o amor, o amor próprio – que é geralmente o último; o amor aos outros, e, então, o amor próprio. Porque se você o vê nos outros, você tem que tê-lo em si mesmo, caso contrário, você não iria reconhecê-lo no outro.
Você é muito amado, e o seu propósito é estender este amor, viver o amor com todos que você vê e mudar as vidas deles, porque você os ama. O Amor é poderoso. É isto que eu fiz. E você irá dizer:”Bem, olhe o que lhe aconteceu. Você terminou na cruz.” Ah, mas eu fiquei lá? Não.
Cada cruz em que você é pregado – e quase uma vez por semana, uma vez por mês, em que você se sente crucificado, pelo menos, parece assim, algumas vezes – você não fica lá. Você desce desta cruz depois de algum tempo, depois de ter “sofrido” o suficiente, e eu lhe direi que um minuto é o suficiente; meio minuto; um segundo. Permita-se descer desta cruz. Então, continue sua vida com alegria, com amor, pois, na verdade, tudo o que há, é Amor.
Isto foi coberto, como eu disse,com um pouco do fertilizante do mundo, mas ainda é o único aspecto que é Verdade sobre você: o Amor que você é. O Amor é suave. O Amor é gentil. O Amor vê o melhor em tudo. O Amor vive a vida que se expande para curar os outros, porque o Amor sabe o que você é. E o Amor vive, até no mundo que não o compreende.

O amor é suave. O Amor espera por você. Ele irá esperá-lo ao longo de todas as vidas. É o que você é. É a sua energia básica. E quando falo deamor, é como um indício, porque todos vocês, em algum momento de sua vida,  apaixonaram-se por alguém ou algo, onde se perderam totalmente neste amor.

Isso era tudo o que existia para você, seja com outra pessoa, tudo o que você poderia fazer era pensar nesta outra pessoa; "Eu me pergunto o queela está fazendo agora; oh, eu realmente gostaria de estar com ela. "- oueste projeto -"Eu realmente amo esse projeto. Eu fico tão animado comesse projeto, com esta visão que eu tenho. Eu estou apaixonado por essa visão. Eu realmente quero vê-la se manifestando. Eu fico tão animado, que simplesmente me esqueço de tudo em relação a mim mesmo. Não meimporto. A visão é tudo o que importa. O projeto em que eu estou trabalhando, eu penso nele o tempo todo, e eu realmente estou esperando para ver como eu posso fazer com que os outros trabalhem nele comigo,para que eu possa conseguir concluir este projeto. É realmente um bom projeto. Estou animado com ele. Eu realmente me perco neste projeto. "

Isso é amor como um indício, mas o amor que você é, é maior, mais amplo, mais intenso e mais profundo do que o amor humano. O amor humano é um portal, um indício, uma maneira de entrar em contato com o Amor divino que você é.
Perca-se no amor. Você sabe como foi quando você conheceu aquela pessoa mais maravilhosa e pensou que seria incrível  passar um tempo com ela. "Ela é tão linda. Ela é tão amorosa. "Você esquece de si mesmo, porque você está pensando na outra pessoa. Você perde todo o senso do pequeno eu e você entra em um espaço ampliado de Amor.

E isto, como eu já disse, é apenas um vestígio, a ponta do iceberg. Há muito mais no amor divino que você é. E quando você entrar no espaço deaté mesmo em uma alusão do poder e da extensão do amor divino, você irá fazer tudo o que eu fiz e muito mais. Você fará todas estas coisas e mais: isto é uma profecia.

O amor é um dom que você se deu antes do início do tempo, e depois que o propósito do tempo tiver sido cumprido, o amor estará lá esperando por você, sempre. Depois que o propósito do tempo tiver sido cumprido, eu estarei lá esperando por você, como eu espero agora para que você possaestar Apaixonado por mim. Permita-se apaixonar por alguém, por um projeto, por uma visão, comigo. Permita-se  esquecer o pequeno eu evoltar ao Lar novamente. Eu o espero lá.

Que assim seja.

- Jeshua ben Joseph (Jesus) expressando-se através de Judith Coates
 
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
 
* NR: Também é conhecido por Issa (Islão), Esu, Emanuel, Sananda, etc. (Espiritualidade) e Yeshua.

Por favor, respeitem todos os créditos

Arquivos em português:

  Atualização diária

Se gostou! Por favor  RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly * achama.islands.biz.tc/ 

  *  http://achama.webs.com/  *  Israel ou Cazária!?
publicado por achama às 09:31
Sábado, 24 / 01 / 15

Jesus através de John Smallman, 21.01.2015

 

Estão viajando à toda velocidade em direção ao momento do Despertar.

Jesus(1) através de John Smallman

 


Aqui nos reinos espirituais, enquanto mantemos o nosso olhar amoroso, observamos com a alegria adicional o progresso exemplar de seu despertar.
 
Mesmo a sua grande mídia, agora está se encontrando incapaz de ignorar completamente as mudanças surpreendentes que estão ocorrendo em todo seu mundo e nem capazes de evitar a divulgação de relatórios sobre as ondas de corrupção e atividades criminosas que estiveram ocultas, mas que agora estão sendo divulgados a todos níveis de governo.
 
A verdade de sua escravização aos negócios corruptos, regras e regulamentos governamentais, já não pode ser escondida, devido às atividades corajosas de muitos jornalistas investigativos e dos denunciantes que têm a coragem de falar.
 
Enormes mudanças estão ocorrendo em todo o mundo, na medida em que a humanidade se encaminha para fora do peso das regras e regulamentações, impostas por seus governos autoritários.
 
Governanças que principalmente iria tentar persuadi-los de que verdadeiramente são instituições democráticas, que têm apenas os seus melhores interesses no coração, quando, na verdade, são, na sua maioria, kakistocracias* desonestas que tentam mantê-los permanentemente em subserviência a elas. Governanças desonestas, numa escala tão vasta que não podem mais serem mantidas, pois as rachaduras nas suas fundações e em suas diversas instituições autocráticas estão pondo-as de joelhos. (*Kakistocracia: O governo de um estado exercido pelos seus piores cidadãos. Pequeno Dicionário de Inglês Oxford.)
 
Não apoiados pelos seus cidadãos - cidadãos do mundo - como agora é o caso,  continuarão a entrar em colapso, em total desordem. Ao longo dos anos, muitas vezes referidos como "A cabala das trevas", composta de e dirigida por grupos ocultos e secretos de famílias influentes e ricas em todo o mundo, que por eras  têm se colocado acima da lei.
 
Como está se tornando cada vez mais claro, perderam a sua aderência e estão reduzidos a lutar entre si, em tentativas desesperadas, que em última análise, não serão bem sucedidos em manter em  seus poderes e influências.
 
Entraram numa Nova Era em que o Amor é reconhecido como o poder e a energia que lhes dá vida e consciência. Qualquer coisa que não seja Amor e não estando em total alinhamento ou harmonia com ele, sempre se desintegra no nada ou no reino ilusório do qual se originou, porque, como sabem, só o Amor existe, não há mais nada.
 
É claro que não preciso lembrá-los de que o Amor não é um sentimento de uma atração sentimental para com outro. Ele é a força vital ou campo de energia que é Deus, nossa Fonte eterna em que tudo que existe eternamente, surge a todo momento. É um estado de constante decorrência de êxtase que é a presença de Deus. É o que toda a humanidade busca, mas que devido à sua imersão nas profundezas da ilusão é incapaz de encontrar.
 
Razão e lógica são como o tempo, aspectos da ilusão que nunca poderão levá-los  a Presença de Deus, porque  já estão eternamente envolvidos pela Presença Divina. Estão onde estão, tão desesperadamente procurando ser, embora pela intensidade daquilo que procuram, escondem-se da realidade divina que está a abraça-los constantemente, em todos os momentos.
 
Para voltar à Realidade, apenas rendam-se ao centro de seus seres, seus sagrados santuários dentro de cada um de vocês, onde a chama divina do Amor de Deus queima eternamente. Realmente já estão onde  desesperadamente desejam estar, só que bloquearam suas consciências de seu verdadeiros estados de existências, por suas escolhas de se envolverem com a ilusão e com todo o sofrimento, caos e desordem com que se apresenta continuamente.
 
Quando se permitem relaxar, naquele santuário interior, aceitando sem julgamento no AGORA, cada momento, na medida em que surgem e permitem que todos os pensamentos flutuem em sua consciência com a corrente do momento do AGORA, encontrarão um nível de paz que, de outra forma estariam totalmente ausentes, quando envolvidos ou ocupados com as distrações da ilusão.
 
Muitos já experimentaram momentos de intensa paz quando meditam, quando, então, suas mentes egoístas se apressaram em tentarem definir e descrever o que aconteceu e que o momento de paz foi tempo perdido.
 
A Paz não pode ser encontrada, atingida ou alcançada, ela é o seu estado natural, o estado de ser no momento do AGORA, aceitando o seu Eu, tendo pleno conhecimento dele, agora e, do qual o ego tenta protegê-lo, distraindo-o com pensamentos que aparentam exigir sua imediata e indivisível atenção.
 
Muitas vezes parece que ficam com seus pensamentos, quando este não é o caso. Pensamentos aparecem e seguem em frente, a menos que escolham se envolver com eles. Diariamente, costumam se envolver com eles, quando em suas tarefas, porque eles são parte da vida na ilusão e, nesse contexto, precisam de suas atenções, quando se concentram em seus trabalhos, seus empregos, ou suas famílias - "Não posso me esquecer de terminar esse relatório até sexta-feira. De quem é a vez de apanhar os filhos no colégio? Devo cortar meu cabelo?" Mas vocês não são esses pensamentos e que, embora não sejam capazes de interromper seu fluxo, podem optar por não se envolver com eles, quando não estão servindo a vocês.
 
Tornou-se um hábito inconsciente para muitos de vocês: pensar e pensar e pensar, numa série interminável de entorpecente compromissos mentais, com pensamentos que aparentemente conduzem inevitavelmente para o próximo. O que precisa fazer, é dizer a si mesmo: "Pare!" E, em seguida, deixa-los ir.
 
A princípio, apenas dizendo "Pare!", é provável que os levem ao longo de outras sequências de pensamentos, todavia, se tornarão cientes de que não são seus pensamentos e que podem parar seus fluxos, mesmo que apenas momentaneamente. Depois de terem quebrado suas influencias, tornar-se-ão conscientes de seus próprios egos e a aparente influência sobre vocês – Todos estão bem cientes de seus egos! Uma vez conscientes disso, poderão praticar sua retirada e, quando fizerem isso, seus estresses se reduzirão e começarão a acessar esse estado de paz interior que está sempre disponível.
 
Às vezes, quando vão para o seus tranquilos espaços interiores e privados para relaxar, orar ou meditarem e um fluxo incrivelmente intenso de pensamentos de julgamento enche suas mentes para, em seguida, o tempo que reservaram para esse momento de silêncio subitamente desaparecer! Acham que agora têm que voltar para o mundo "real" e voltarem ao trabalho.
 
Não se repreendam quando isso acontecer e, também, não decidam tirar férias, de que não vale a pena o esforço. Saibam sempre que estão apanhados numa guerra interna com que seus pensamentos, que invadem suas mentes quando se definem na intenção de estarem tranquilos e em paz por alguns minutos.
 
Este é apenas um estratagema egoísta para persuadi-los de que estão perdendo tempo, que a meditação, oração, contemplação silenciosa ou não servem para vocês. Não seja persuadido de que "tempo ocioso", quietude, não seja absolutamente essencial para o seu bem-estar.
 
Esse tempo de quietude desejado, é o momento em que podem, por um instante, dissolver a ilusão e estarem em paz. Não precisam tentar, basta sentar calmamente e estar ciente dessa quietude. Tentar é uma distração egoísta que não funciona, pois é o oposto de relaxar, de permitir. Persistam nesta prática diária, subtraiam todos autojulgamentos negativos. Basta parar e calmamente sentar a cada dia, independentemente de quão eficaz ou ineficaz isso possa parecer.
 
Nesta Nova Era, estão recebendo enorme assistência de nós, aqui nos reinos espirituais, cuja tarefa é cuidá-los em todos os momentos. O Tsunami do Amor que envolveu a todos, continua se intensificando para incentivar e garantir o despertar de vocês. Não podem deixar de despertar, pois este é um destino divino de todos.
 
Escolheram encarnar neste momento da história da Terra, neste momento na ilusão, porque escolheram vir e ajudar a grande maioria da humanidade que se manteve adormecida para despertar de seu sono.
 
Este é o momento inevitável do despertar da humanidade da ilusão em que esteve imersa por tanto tempo. Vocês, que estão lendo essa e outras mensagens de seus guias e mentores nos reinos espirituais, edificantes da mesma forma, não estão aqui por acaso. Escolheram estar aqui, onde são totalmente apoiados em todos os momentos. Esses leves sentimentos intuitivos que começam a levá-los se comportar mais amorosamente, são partes de seus planos de vida.
 
Planejaram esses sentimentos e percepções intuitivas como lembretes pessoais, porque sabiam que a vida na ilusão ia ser difícil por causa de seu estado amnésico e, assim planejaram serem lembrados de forma intuitiva, de vez em quando e para receberem chamadas para despertar, de modo que não perdessem seus caminhos. E não perderam seus caminhos!
 
Estão viajando a toda velocidade em direção ao momento do despertar, assim como planejaram e nada poderá impedir ou atrapalhar esse plano. Seu despertar, o despertar da humanidade está divinamente garantido e que, portanto, vai acontecer, podem contar com isso!
 
Seu irmão amoroso, Jesus.
 
 
John Smallman
 
 
(1) RN: Also known as Isa (Islam), Esu, Emmanuel, Sananda, etc, (Spiritualty) and Yeshua or Jeshua.
Por favor, respeitem todos os créditos
Arquivos em português:
http://achama.blogs.sapo.mz/tag/

  Atualização diária

Se gostou! Por favor  RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly * achama.islands.biz.tc/ 

  *  http://achama.webs.com/  *  Israel ou Cazária!?
publicado por achama às 09:16
Quinta-feira, 22 / 01 / 15

NÍVEIS DE CONEXÃO COM SUA ALMA -- Jeshua via Pamela

Por Jeshua(1)

 Através  de Pamela Kribbe

Tradução: Vera Corrêa

 

 

 
 
Queridos amigos, eu sou Jeshua e os saúdo de coração. Hoje estamos juntos aqui, e com isto quero dizer que ocorre uma fusão de energias enquanto estamos aqui sentados. Imaginem que o aspecto mais elevado e belo de cada um de vocês se reconhece nos outros e, devido a esse reconhecimento, aumenta muitas vezes. Geralmente vocês enxergam a beleza, a riqueza interior e o aprimoramento dos outros com muito mais clareza e totalidade do que conseguem ver essas qualidades em si mesmos. Ao observarem e tomar consciência do outro, vocês lhe dão fé e confiança em si mesmo.
Agora peço a cada um de vocês que ofereça este reconhecimento aos outros. Deixe que isso aconteça, que isso flua; e deixe que sua alma seja tocada por esse reconhecimento. Sempre que sua alma é tocada, ela desce mais plenamente à Terra. Quando você se move para dentro de si, num momento de reconhecimento, inspiração e emoção, sua alma desce mais completamente ao seu corpo, porque se sente mais acolhida e em casa na Terra. Ocorre uma interação entre você e sua alma.
Quem é ”você” em relação à sua alma? Faço esta pergunta porque geralmente essa relação não é compreendida com clareza. Talvez você imagine a alma como algo fora de você, muito longe e acima de você; e assim, se sinta como um ser insignificante, que deseja todo tipo de coisa, e pensa que sua alma é um poder externo que pode intervir por você em determinadas ocasiões. Mas sente também que está mais ou menos à mercê da sua alma.

Mas você não está fora da sua alma e sua alma não está fora de você. A alma – a sua alma – está dentro de você, neste lugar, assim como em qualquer lugar que você vá. Você faz parte da sua alma. E embora a sua alma também seja uma parte de você, “você” não é sua alma inteira; “você” não é equivalente à sua alma. Existe uma parte da sua alma que está encarnada em você, que vive e se move em você. Mas há também uma parte dela que não “se encaixa” muito bem aqui, por assim dizer; uma parte que permanece atrás… ou, expressando esse conceito de um ponto de vista terreno, uma parte ampla demais para estar contida em um corpo e personalidade humanos.

Então, existe uma interação entre você e sua alma, e ao mesmo tempo, vocês são uma coisa só. Vocês são feitos da mesma essência e não são separados um do outro. A interação entre você e sua alma tem a ver com o quanto da energia da sua alma você permite que entre na sua vida na Terra. Ela é uma faísca de inspiração ocasional, que lhe dá um gosto de consciência expandida? Ou você permite que sua alma penetre mais profunda e completamente e dê forma à sua existência terrena, de um modo radical e imediato?

É neste processo que você se encontra agora – indo cada vez mais fundo – o processo de fusão com sua alma através de uma entrega completa ao seu fluxo. E quem o forçará a fazer isto será você mesmo e mais ninguém. É uma escolha que você faz: a de se permitir agir de acordo com o que sua alma lhe pede que faça ou seja. E quando você decide fazer isto? Você toma esta decisão no momento em que percebe que é absolutamente necessário fazê-lo, que este é o único caminho possível para você. Geralmente isto é precedido por um período no qual você quase não dá ouvidos à voz da sua alma. Você tenta fazer tudo por conta própria, pela sua cabeça, baseando-se nas ideias que lhe vêm à mente a partir de fora, das pressões externas e do medo. Há diversas razões para você não ouvir sua alma, que fazem com que você fique alienado dessa voz. E assim, ela se torna uma estranha para você.

Isto é o que a maioria de vocês tem associado com a condição de ser um humano na Terra; estar alienado das suas raízes, da sua origem cósmica, da sua alma. Deste modo, o processo de encarnação torna-se muito estressante e doloroso. Neste caso, descer e entrar num corpo significa dizer adeus a quem você é, à sua origem – essencialmente, deixar seu Lar. Esta é uma tarefa quase impossível e é natural que você anseie pela volta ao Lar e deseje ir embora do mundo onde não se sente em Casa.

Existe um único caminho para todos na Terra, mas todo mundo passa pela experiência de estar isolado da voz de sua alma, durante um longo tempo, até perceber:- “Não posso mais continuar deste jeito. Estou totalmente preso. Quando vivo apenas a partir da minha cabeça, do medo, daquilo que ‘deveria ser’ e ‘deve ser’, sinto-me morto por dentro.” Só quando você começa a sentir este dilema com muita intensidade, é que se abre para uma voz diferente, uma lembrança de quem você realmente é. Então, num determinado nível, você tem que ceder aos impulsos da sua alma.

A arte de fazer isto se resume em se abrir para o novo e liberar as velhas noções de segurança. E isto geralmente é muito difícil para um ser humano. Você associa isso com desistir, com estar num beco sem saída e com sentimentos de decepção, amargura e depressão. Mas esse momento de desespero final, de não ser mais capaz de continuar no antigo caminho, pode ser visto como uma porta entreabrindo-se para uma nova possibilidade. E então, você pode tirar vantagem dessa crise interna e abrir essa porta para outra realidade.

Isto requer força interior, porque justamente nesse momento de desânimo total, você está sendo solicitado a olhar para trás e confiar em algo novo, que você ainda não sabe o que é, algo do qual você não tem nenhum conhecimento. É como ter uma confusão à sua frente e uma porta atrás, ligeiramente entreaberta, através da qual passa um filete de Luz. Se você permanecer sentado de costas para a porta e ficar olhando para a confusão, aumentarão seus sentimentos de tristeza, desespero e desesperança. Mas como você pode ter certeza de que essa porta atrás de você pode lhe oferecer a possibilidade de algo diferente, de algo novo? Você começa a sentir a certeza de que essa porta pode ser aberta quando se conecta com sua alma.

Você pode atravessar momentos de dor e desespero na vida de duas maneiras muito diferentes. Uma é sendo totalmente absorvido por eles, e isto significa que toda a sua energia, tudo o que é consciente em você é carregado nas ondas de medo, amargura e até mesmo ódio. Seus pensamentos são tingidos por tudo isso, e assim, suas emoções e seu corpo também acabam sendo afetados a longo prazo. Mas há outro caminho, uma força contrária. Nesses momentos, você pode tomar consciência do que está acontecendo no seu interior e sair da corrente descendente. Existe algo dentro de você que observa tudo isso de perto, sem julgamento, a partir de uma consciência que é maior do que a sua vontade terrena, suas ideias terrenas, sua educação, seus medos, e tudo de antigo que você conhece do seu passado. Então sua alma entra no seu campo terreno. Falando francamente, muitas vezes precisa surgir uma confusão na sua vida, antes que você se sinta impelido a entrar numa nova forma de consciência. É justamente em momentos de crise que pode ocorrer uma mudança na sua percepção de modo que você consiga olhar para si mesmo de uma perspectiva mais ampla. Então, a consciência dentro de você torna-se muito silenciosa e quieta.

Sinta esse silêncio por um momento, olhe para alguma questão na sua vida, para a qual você não tem nenhuma resposta, algo que você já examinou inúmeras vezes, de todos os ângulos, e experimentou todas as emoções que isso envolve. Agora coloque-se num ponto tranquilo, de onde você observa a situação sem querer uma resposta. Perceba como uma certa paz imediatamente se faz presente. É isto que significa “desistir da luta”, o que não quer dizer que tudo permanece o mesmo e nada muda. Significa que você cria espaço para o novo, não raciocinando sobre o que já é conhecido e procurando respostas e soluções no passado e no que está atrás de você. Só se pode entrar no desconhecido, no novo, no fresco, por meio do silêncio, por meio daquilo que não é conhecido e entregando-se ao silêncio.

Deixe que o silêncio que o envolve flua através do seu corpo. Ficando quieto deste jeito, você libera velhas certezas, velhas ideias de como as coisas deveriam acontecer na sua vida, de convicções às quais você se agarrou. Permita que tudo isso se desvaneça como as folhas mortas que caem das árvores no outono, enquanto a energia da sua alma sopra como uma brisa suave através da sua aura. Imagine que tudo que é velho, tudo que você não precisa mais, tudo que já foi vivido e digerido é levado suavemente pelo vento. O momento em que você já não sabe mais é justamente quando você se desapega com mais facilidade. Deste modo, uma nova força se concentra dentro de você.

Quanto mais vazio e sem preocupações estiver o seu campo energético, mais ele pode ser preenchido pela sua alma. E de dentro do silêncio, surgem novas ideias que não são alimentadas pela sua cabeça nem por sua vontade. As novas ideias chegam a você como se viessem de fora. Algo brota de repente, mas isto não precisa acontecer imediatamente. O que ocorre neste processo é que inspirações e intuições emergem livre e naturalmente e o alimentam com novos impulsos.

Neste ponto, darei algumas explicações sobre os níveis nos quais você pode sentir e vivenciar a sua alma, pois existe mais de um nível no qual você pode sentir e sintonizar-se com ela. Acabamos de falar sobre como a alma pode se revelar por meio do silêncio, por meio da percepção pura. Essa experiência também é uma sensação muito profunda de estar em Casa, baseada numa capacidade de se manter enraizado, de estar completamente no presente e não ser levado por todo tipo de distrações causadas por pensamentos e emoções. Este é um dos níveis mais profundos, nos quais se pode ter uma conexão com a alma, sentindo sua Presença pura.

Esse estado de silêncio tem um efeito positivo imediato no seu corpo, em seus pensamentos e emoções. É o poder curativo do silêncio. Quando você está lá, a alma não é mais uma coisa acima e fora de você, mas é muito tangível fisicamente, na metade inferior do seu corpo, no seu abdome, nas suas pernas e pés. Fique atento às sensações no seu corpo quando sua alma está totalmente conectada com você, e você está completamente integrado com sua alma. Sinta a solidez dessa conexão e também sua tranquilidade e paz. Esta experiência de paz e tranquilidade – essa quietude profunda – é a base de toda conexão com a alma. Se não houver essa paz e tranquilidade, sua conexão com a alma não está completa.

Por que digo isto? Porque existe outro nível a partir do qual você pode se conectar com sua alma, e ele está localizado fisicamente num ponto mais alto do seu campo energético. Muitas pessoas são dotadas de uma intuição mais apurada e são também clarividentes. Se este é o seu caso, você pode captar os humores e pensamentos dos outros por meio do seu sexto sentido, da sua capacidade de perceber tudo ao seu redor. Isto pode ocorrer a partir do seu terceiro olho, ou você pode sentir os outros a partir do seu coração.

Só de me ouvir falar isto, você provavelmente já percebe que sua energia está se tornando mais inquieta e se elevando. A tranquilidade se foi. Você está prestes a perder seu centro, à medida que entra em contato com as diversas energias ao seu redor. Isto também acontece quando você se conecta em seu coração e mente com seus ideais para a Terra e suas visões do futuro. Eles geralmente o elevam acima de você mesmo. Depois parece haver uma conexão intuitiva com a sua alma, mas ao mesmo tempo, essa conexão não está totalmente ancorada, nem atingindo totalmente aquele estado de silêncio e tranquilidade do qual falei há pouco. Você pode estar tomado pela visão da nova era, por uma Terra onde predomina uma energia centrada no coração e, ao mesmo tempo, estar muito frustrado porque isso não está acontecendo na sua vida tão depressa quanto você gostaria, e por causa de tanta resistência e oposição no mundo. Deste modo, você se sente em conflito com a sociedade ao seu redor e parece que não se enquadra neste mundo.

Embora os desejos e sentimentos que você tem – as premonições sobre a nova Terra – nasçam da conexão com a sua alma, é importante permitir que essa energia de inspiração desça totalmente para dentro do seu campo energético, seu corpo e seu abdome. Se você tem algumas ideias sobre o que deseja para o futuro, então sinta essas ideias e a energia do futuro no seu coração. Sinta também o fogo que vive dentro de você e deixe que esse fogo se eleve para fundir mais solidamente a energia em seu interior. Depois permita que essa energia do futuro fortalecida desça para o seu abdome, suas pernas e pés, até se tornar silenciosa e quieta – até que você se torne silencioso e quieto. Nesse momento, sua alma e as mensagens que você recebe dela, tocam a Terra. E então, um fluxo realista, ancorado na Terra, pode se por em andamento, e você fica completamente em contato com sua energia terrena, ao mesmo tempo em que também permanece conectado com sua alma. Você construiu uma ponte entre ambas.

Vejo como muitos Trabalhadores da Luz às vezes ficam totalmente absorvidos em visões de outro mundo, enquanto, ao mesmo tempo, perdem sua conexão com este mundo, aqui e agora, que não está só do lado de fora de vocês, mas também em seu interior. Vocês ficam divididos e são criadas dicotomias entre a Luz e a escuridão dentro de vocês e entre vocês e o mundo exterior. Essas dicotomias produzem esforço e tensão, tanto dentro como fora.

O desafio de cada um de vocês agora é realmente se desapegar do velho para acolher o novo nas profundezas do seu ser terreno, em todos os níveis: cabeça, coração e abdome. Sua alma só pode se enraizar na Terra se você permitir que ela penetre profundamente o seu ser, até o nível do abdome e pélvis, que o conectam com a Terra. Sinta a paz e o silêncio quando deixar para trás seus pensamentos e emoções (mesmo as impressões psíquicas). Apenas esteja lá, aberto para o novo e ele se revelará diante de você, sem que saiba como. A chegada da Nova Terra de consciência centrada no coração depende da presença de muitas pessoas que estejam ancoradas na Terra e, ao mesmo tempo, sejam espiritualmente evoluídas. Elas são os canais.

Pamela Kribbe   
        



Tradução: Vera Corrêa
Ver mais mensagens via Pamela Aqui

 

 


 

(1) NR: Também é conhecido por Issa (Islão), Esu, Emanuel, Sananda, etc. (Espiritualidade) e Yeshua ou Jesus.



Por favor, respeitem todos os créditos
Arquivos em português:
 Atualização diária
publicado por achama às 09:03
Sexta-feira, 09 / 08 / 13

VOCÊ É O PODER DO FUTURO - por Judith Coates

VOCÊ É O PODER DO FUTURO

Jeshua ben Joseph (Jesus)

 

Mensagem canalizada por Judith Coates

 

 

8 de Agosto de 2013.

 
Amado, por muito tempo você se perguntou onde estava o seu poder. Você já se perguntou: “Onde está o meu poder, como um indivíduo? O que eu posso fazer?” Ouvi muitos dizerem: “Eu sou apenas uma pessoa. Como posso trazer mudanças no mundo? Como posso até mesmo provocar uma mudança na minha família ou em meu local de trabalho? Como posso, como uma pessoa, criar um impacto?”
 
Na verdade, você esteve criando um impacto e continuará a criar um impacto, porque conhece em seu íntimo, o seu propósito: expressar a sua verdade e colocá-la em palavras, em sorrisos, em apoio, de uma maneira que seja apropriada. Você coloca o seu Cristo quando reconhece o Cristo nos outros.
 
Por um longo tempo, você já falou: “Sei que Yeshua diz que eu sou uma extensão do Pai, mas me parece que estou separado de Deus/Pai/Mãe/Tudo O Que É. Parece que sou uma ilha em mim mesmo”. Você sentiu isto algumas vezes.
 
O roteiro do ego separado é lhe dizer que você é apenas parte, somente uma pequena parte talvez, do todo. Mas, na Verdade, você é o todo. Você é sagrado, vindo como uma extensão e expressão do Todo. Todos vocês têm poder. Isto lhes foi dado. Desde antes do início do tempo, você o deu a si mesmo, porque você é a extensão da Criatividade. É por isto que você cria dramas tão maravilhosos para se divertir.
 
Quando você alcança o espaço de ser capaz de recuar do drama e apenas observar,  vem até você uma grande paz que o mundo não conhece, mas que você conhece em seu íntimo. A cada vez que algo chegar a você, permita-se recuar, fazer uma respiração profunda e ser o observador.
 
Na verdade, você pode fazer todas as coisas através do poder que é você, através do poder que você chama talvez, no início, de imaginação. Imagine: “Se eu pudesse fazer algo que quisesse fazer, o que eu faria?” Você começa isto como um ponto de partida, tira todas as limitações, apenas por um momento e imagina como iria participar de um jogo com você mesmo e começa a ver; “Bem, eu poderia fazer o que realmente quero fazer, como seria? Qual seria a sensação? Qual seria o primeiro passo?”
 
Você resgata um pouco do poder que pensou que o mundo havia tirado de você, e começa a perceber que não importa qual seja a sua idade, qual o nível educacional, a escolaridade que você teve, não importa as moedas de ouro. Não importa o que os amigos, colegas de trabalho, companheiros, ou qualquer pessoa tenham a dizer para você.
 
O que importa é o que você acredita em relação a si mesmo. Você pode recuar de todas as crenças limitadoras que teve em relação a si mesmo e apenas observar como passa um dia, perdoando-se a cada vez que possa ter sentido: “Oh, eu deveria ter dito... Oh, eu poderia ter feito...”etc. Diga apenas: “Eu estive participando de um determinado roteiro até este ponto.”
 
Ame e permita. Ame verdadeiramente como eu o tenho amado, para sempre. Este é o único mandamento que importa. Este é o mandamento básico e verdadeiro. Eu disse isto, sim, e está registrado em suas Escrituras Sagradas. Seus outros mestres e professores que vieram antes de mim, disseram isto também. É a premissa sobre a qual se encontra toda a expressão da divindade.
 
Você assume o seu poder ao compreender Quem você é. Você assume o seu poder ao dizer: “Eu sou o alento profundo da paz. Eu me amo. Eu me amo, porque sou a extensão de toda a divindade, vindo participar do Jardim que ainda existe”. O Jardim que está escrito em suas Sagradas Escrituras, o Jardim do Éden, realmente existiu nesta realidade, neste plano. E este Jardim ainda existe quando vocês o perceberem, quando nele acreditarem, quando o manifestarem em sua própria compreensão.
 
Você vive no Jardim durante todo o tempo. Olhe ao seu redor, para as flores, os amigos. Olhe a sua volta para a natureza, e o pôr e o nascer do sol. Olhe ao seu redor para as nuvens que o atingem amorosamente com a chuva. Elas lavam o lugar de moradia, elas lavam os veículos e a atmosfera.
 
A natureza, como você a chama, a sua própria natureza divina, realmente, está sempre se renovando. Não há nada a temer, exceto o próprio medo. Você ouviu este ditado. Foi um homem sábio que disse isto, e uma mulher sábia que lhe contou em primeiro lugar.
 
Quando você chegar à conclusão de que não há nada a temer, que há este sentimento de paz, este sentimento de poder, um sentimento que: “Eu posso fazer todas as coisas através do Cristo que me fortalece”. Bem, o que é este Cristo que o fortalece? É o seu próprio ser, a sua divindade que você está agora começando a crer e a se lembrar, a sua divindade que lhe permite viver o drama, a sua divindade que há desde antes do início do tempo, o que lhe dá a força e o poder de fazer todas as coisas.
 
Se você esteve questionando: “Eu posso fazer...?” qualquer coisa – qualquer questão – a resposta é sim. “Sim”. Siga em frente. Se você disser: “Bem, eu estou muito velho. Estou me aproximando dos meus últimos anos. Não posso ser como alguém de vinte anos e fazer coisas como se tivesse vinte anos”, bem, algumas vezes o corpo irá lhe falar que ele não tem a mesma flexibilidade que você tinha aos vinte anos, mas eu lhe direi que quando você mudar de idéia sobre si mesmo, o corpo tem que mudar e ele mudará.
 
Aquilo que tem estado dolorido, porque você colocou uma grande carga de preocupação sobre ele, responsabilidade, falsa responsabilidade, irá se tornar bem flexível e você perceberá que irá prosseguir com uma facilidade que sentia em seus anos mais jovens.
Comece com a mente em primeiro lugar e o corpo tem que acompanhar, porque o corpo é o servo da mente. Você muda tudo isto ao dizer: “Sim”, à vida, ao dizer: “Sim” ao seu poder, ao dizer “Sim, eu posso. Eu quero.” Não há nada – e isto é Verdade – não há nada, nenhuma coisa, nenhuma pessoa, nenhuma energia que possa permanecer na sua frente para bloqueá-lo e ao seu poder.
 
A única coisa que pode detê-lo – e isto é tudo, talvez por uma vida ou duas – é a sua própria crença de que você não pode. Uma vez que tome a respiração profunda e diga: “Todas as coisas são possíveis para aquele que crê”, então você se torna como uma criança novamente, a criança que é inocente e que não sente todas as responsabilidades e “fardos” do mundo, a criança que diz: “Sim, deixe-me divertir. Deixe-me conhecer todas as coisas boas. Quero me tornar como a criança novamente, curtir a vida, conhecer tudo o que for possível.”
 
Permita que os seus olhos se suavizem e se interiorize. Traga à memória algo que aconteceu onde poderia haver um sentimento de fracasso, um sentimento de desafio, talvez, onde havia um pouco de conflito com alguém, onde havia sentimentos que não eram de harmonia.
 
Traga o que “eles” disseram  ( e isto poderia ser o próprio murmúrio de sua mente quando você fala a si mesmo). Como você se sentiu. O que você disse. Observe esta memória, onde, talvez, uma palavra foi expressa com pressa ou com raiva, ou como um julgamento, ou mesmo com base em uma velha auto-imagem, talvez uma afirmação de que você não poderia fazer algo.
Agora, observe esta memória e mude o vocabulário do que foi dito, ou o evento quando você sentiu que você não era tão bom ou que não fez bem o que precisava ser feito. Um lugar onde você “fracassou”. Veja o vocabulário sendo mudado para palavras de amor; o sentimento mudou para um sentimento de satisfação, um sentimento de ser amado.
Seja o que for que eles digam, seja o que for que disseram sobre a sua auto-imagem, mude o texto. Transforme-o e sinta como ele é. Permita que o sentimento de ser amado, de ser íntegro, permeie todo o seu ser. Sinta-o, até em seu corpo. Sinta-o em cada célula do seu corpo. Veja-os amando-o. Aceite-se, compreenda a si mesmo, sabendo quais são os seus mais profundos sonhos e desejos e diga: “Sim, estes sonhos e desejos são válidos. Sim, eu posso fazer isto.”
Sinta-se no amor que não conhece limitações, que não conhece condições, sinta-se tão amado que cada célula do corpo relaxe, expanda-se na Luz, até o espaço onde tudo se torna a própria Luz. Sinta a expansão e saiba que isto é verdadeiro.
Permita que até mesmo a unha do pé direito se sinta expansiva. Permita que os joelhos se sintam expandidos, curados, flexíveis. Os tornozelos se sintam íntegros e flexíveis. Cada osso e articulação no corpo, o quadril, as costas, o pescoço, o ombro, a parte de trás do pescoço e a própria cabeça, expansivos e livres, revigorados novamente. Os pulsos, os dedos, flexíveis e fluidos. Cada parte no amor. Os cotovelos, os antebraços, os braços, as coxas e as panturrilhas. Cada músculo do corpo. Os órgãos internos, o coração, os pulmões, o aparelho digestivo, cada parte do corpo se expandindo na Luz, porque são muito amados por você e por Aquele que o criou. Cada parte do corpo está expansiva, flexível e fluida.
Saiba que você é perfeito e íntegro. Você é o poder do divino. Você tem o poder de mudar tudo o que aconteceu no passado. Você tem o poder de mudar tudo o que tem acreditado em relação ao presente e o futuro.
Você tem o poder de retornar a qualquer evento, incidente, acontecido no passado e observá-lo e mudá-lo: qualquer evento. Porque, na verdade, ele agora é uma memória e você pode mudar a memória. Você tem o poder de mudar as suas crenças sobre o presente, porque o presente vem de suas crenças. Se você conhecer o amor, seja amor. Conheça-se vivendo o amor, invulnerável à crença de qualquer pessoa. Suas crenças sobre o presente é a da totalidade, da harmonia, do próprio amor.
Sua crença sobre o futuro... onde existe o futuro, exceto em sua imaginação e em sua mente e em suas crenças? Você pode mudar o futuro. Qualquer coisa que veja no futuro que tenha temido, mude-a. Escreva um novo roteiro. Se houver algo em seu futuro que você tema, permita um novo roteiro. Escreva um novo roteiro. Veja-o de forma diferente. Em nenhum lugar está escrito que ele tem que ser como você tem temido que ele seja.
A consciência coletiva teve determinadas crenças sobre o futuro. Sempre foi assim, que a consciência coletiva tem temido o futuro. Mas você não tem mais que ter medo do futuro. Você tem o poder de criá-lo como quer que ele seja. Você é livre para fazer isto, porque você veio do Princípio criativo que cria todas as coisas. Saiba que o futuro não foi escrito ainda.
A partir deste momento, você está livre para mudar qualquer coisa e todas as coisas. Veja o seu futuro como quer que ele seja. Se um pouco de medo surgir, pegue a borracha da paz e o apague, e em seu lugar coloque aquilo que você quer que o seu futuro mantenha. Você não tem que temer a perda, o abandono, o julgamento. Estes são do mundo. Estes são medos concluídos. Você os viveu durante muitas vidas. Assim, se o medo surgir sobre o futuro, apague-o e em seu lugar coloque aquilo que deseja. Envolva-o com amor e saiba que você tem o poder de mudá-lo, porque você teve o poder de criar a sua vida – esta vida e todas as outras – como deseja e acredita que ela seja.
Permita-se assumir o seu poder e ser este poder, criar o passado como gostaria que ele fosse, criar o presente como gostaria que ele fosse, para ter a liberdade que realmente Você, Aquele que você é, deu a si mesmo, antes de ter até mesmo pensado. Tome esta liberdade e a mova para o futuro.
Você é livre, não mais preso pelas cordas do mundo. Você não é um fantoche da consciência coletiva. Você é livre. Estas cordas já foram cortadas, todas e cada uma delas. Todos os medos foram apagados, porque você tem o poder de mudar tudo, qualquer coisa, para fazer do seu futuro aquilo que você quer que ele seja.
Se aceitar isto, fica apenas aqui na memória. Aquilo que você faz, ou fez até este ponto, foi feito da memória do que você imaginou que tinha que ser; velhas memórias de outras vidas, velhas memórias de punição de outras vidas. Aquilo que você tem sido até este ponto foi vivido a partir do ponto da memória, a velha memória.
A partir deste ponto, você vive de uma nova maneira. Você vive como o Cristo que é. Você vive como o poder do Cristo que você é, não mais atado pelas cordas e medos da consciência coletiva. Você vive como o Cristo e o poder do Cristo, na liberdade e na alegria.
Que assim seja.
Jeshua ben Joseph (Jesus), expressando-se através de Judith Coates
 
 
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br


 Atualização diária
PORTUGUÊS

Se gostou! Por favor  RECOMENDE aos seus Amigos.
achama.biz.ly
  ~ achama.islands.biz.tc/

publicado por achama às 03:18
Domingo, 11 / 12 / 11

Arcanjo Miguel, 09 Dez 2011

 

A ETERNA CHAMA DO AMOR
Mensagem do Arcanjo Miguel e de Yeshua
Canalização: Fran Zepeda
em 09 de dezembro de 2011
 
 Saudações, amigos trabalhadores da luz e companheiros na paz, na luz e no amor.

Nós estamos com vocês em seus empreendimentos para trazer a luz mais substancialmente neste tempo precioso e crítico.


Ao redor do mundo o ritmo está aumentando e a luz está alcançando um pico de esperança por um novo período de gloriosa ação baseada no amor.


Sintam o pulsar disto.


Sintam a vibração disto.


Sintam o êxtase de uma alegria recém-descoberta, queridos amigos e companheiros.


Nós os saudamos, pois tudo está correndo de acordo com o plano do Criador da fusão em Unidade.


Para muitos, este é um tempo de culminação, de conclusão da karma e dos planos de vida.


Para muitos, é o começo de uma nova vida amplamente baseada no coração.


Para todos, este é um tempo de despertar para a luz de sua alma a um grau que ela possa ser captada e mantida.


Ouçam a voz de sua alma, queridos. Pois é hora de ouvir mais atentamente aos seus sonhos e ao seu coração em todas as suas ações de hoje em diante.


Agora é hora de descartar toda a negatividade que os está retendo.


Agora é hora de se agarrarem aos seus sonhos de um Novo Mundo em conexão harmoniosa com todos os seres da Terra, com a Mãe Terra propriamente dita e com todo o cosmos.


O tempo de separação está acabando e é hora de despertar totalmente para a sua essência de Unidade.


Durante toda a história sempre houve o fluxo e refluxo.


Esta é a natureza da vida.


Transformar o ritmo da vida será mais e mais fácil conforme vocês prestarem muita atenção à sua respiração e à batida de seu coração.


Fazendo isto mais regularmente, em breve vocês se harmonizarão com maior precisão com os corações e a respiração dos outros, com a vibração da humanidade que, no fundo, deseja a mesma coisa: ser feliz e realizada, cheia de alegria e livre para seguir seus sonhos.


O Amor é uma chama eterna ardendo dentro do coração de todos.


Depende de vocês o quanto se importam em acendê-la e emiti-la.


A Chama Eterna do Amor não tem fronteiras ou limites, ela não tem restrições, somente aqueles que vocês colocam nela.


Então deixem ir e permitam que essa chama do amor incondicional arda cada vez mais forte a cada dia com seu trabalho de tocar esse núcleo da sua essência, o centro da unidade com todos os seres, sencientes ou não, na Terra, nas galáxias e nos reinos espirituais.


Somos todos um e nós esperamos por vocês se juntarem a nós nesta nova era de paz, de amor para todos.


Nós permanecemos seus companheiros amorosos na paz e no amor.


Arcanjo Miguel e Yeshua



Obrigada, Arcanjo Miguel e Yeshua.

Fran Zepeda
 
http://www.franhealing.com/
http://www.franheal.wordpress.com/
Copyright © 2011-2013 by Fran Zepeda. Todos os direitos reservados. É dada permissão para copiar e distribuir este material contanto que o conteúdo seja transmitido integralmente e sem alteração, o autor seja creditado, seja distribuído gratuitamente, e esta nota de direitos e o link sejam incluídos: http://www.franhealing.com/
Tradução: SINTESE
http://blogsintese.blogspot.com/
 
 

email: nai@violetflame.biz.ly

 

Se gostou! Por favor RECOMENDE  aos seus Amigos.

  achama.biz.ly  O Nazismo dos governantes de Israel

VioletFlame ~ The Illuminati ~ Alternative Media  ~ North Atlantic Islands ~ Indian Ocean Islands ~ South Atlantic Ocean Islands ~ Alternative Media ~ Creator's Map ~ ESU IMMANUEL ~ Exposing Media DesInformation ~ Galactic Federation ~ Hopi Indians, Prophecies and UFOs ~ Illuminati, The ~ Infinite Being ~ Israel (!?) ~ Jews..., The The Hebrews (Sephardim) are the Real ones! ~ Khazars, The ; the Jews of KHAZARIA are not real Jews ~ Meditation ~ Media News ~ NESARA (!?) ~ SCIENCE, SPIRIT, Free Energy!... ~ UFO CONTACTS ~ UFOs (MORE) ~ USA The 4th NAZI Reich!? ~ Zionism Lies and The Illuminati  ~ Light a Candle for PEACE   ~   

 

~ by Steve Beckow: , , , , , , , , , , , , , , ,

 

 arcanjo miguel, fran zepeda, jeshua, yeshua

 

religião e espiritualidade
compteur gratuit

Bravenet Counter Stats
Powered by Bravenet
View Statistics

Webstats4U - Free web site statistics

publicado por achama às 23:39
A Luz está a revelar a Verdade, e esta libertar-nos-á! -Só é real o AMOR Incondicional. -Quando o Amor superar o amor pelo poder, o mundo conhecerá a Paz; Jimi Hendrix. -Somos almas a ter uma experiência humana!

mais sobre mim

Outubro 2017

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

últ. recentes

  • "Hoje é um homem de missão cumprida, engenheirão v...
  • Bacana esse post, vou compartilhar no facebook, cr...
  • O Sathya Sai Baba ainda está entre nós e vive na Í...
  • Olá, obrigado pelo comentário.Sempre que dermos ou...
  • Sempre que dermos ouvidos à voz que vem do coração...
  • Ola Manuel, muita luz para você ,é a primeira vez ...
  • fale alguma coisa,de mim sou poliana miguel
  • Você fala com anjos ,pede um deles mandar uma mens...
  • A "vida real" é uma ilusão Toda a matéria é formad...
  • Bom dia,reparámos que o seu blog faz uso de textos...
  • O Amor é tudo o que existe e na sua mais pura exên...
  • usando uma metafora descrevendo a vida real, e nao...
  • o odio deve-se à permissao do mal andar entre nós,...
  • Obrigado pelas suas palavras. Fiquei a conhecer po...
  • Adoro este artigo. Já tinha conhecimento do assunt...

subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro